MENU

Prefeitura de Sumaré, SP, decreta estado de emergência após temporal

Prefeitura de Sumaré, SP, decreta estado de emergência após temporal

Atualizado: Segunda-feira, 31 Outubro de 2011 as 1:38

A Prefeitura de Sumaré, no interior de São Paulo, decretou na manhã desta segunda-feira (31) estado de emergência na cidade devido ao temporal que atingiu a região no sábado (29). Duas pessoas morreram e o pronto-socorro central ficará fechado por tempo indeterminado em decorrência do temporal, que teve ventos de até 116 km/h.

A cidade foi uma das mais atingidas na região de Campinas pelo temporal, que derrubou árvores, interrompeu o fornecimento de energia e trouxe transtornos para a população.

Com o decreto de estado de emergência, que deve ser publicado na edição desta terça-feira (1º) do Diário Oficial do município, a prefeitura poderá pedir recursos ao governo Federal e Estadual para reparar os estragos e também poderá contratar serviços emergenciais, sem licitação.

Falta de luz

Segundo balanço divulgado pela Companhia Paulista de Força e Luz (CPFL), responsável pelo fornecimento de energia na região, 13,6 mil clientes estão sem energia elétrica em Sumaré. Em Campinas, 7,4 mil casas estavam sem energia nesta manhã, e outras 5,3 mil não tinham o fornecimento de energia em Hortolândia. Outras cidades ainda afetadas eram Santa Bárbara d’Oeste (1.955 casas sem luz), Piracicaba (2.577), Paulínia (1.166), Americana (1.483) e Nova Odessa (1.872).

A empresa informou que está ciente das ocorrências e que suas equipes continuam em campo atuando para que o serviço seja totalmente restabelecido em sua área de concessão ao longo desta segunda-feira.

Mortes

No Jardim Florença, um homem foi atingido por uma árvore. Ele foi socorrido e levado para o Hospital Estadual, mas não resistiu aos ferimentos. Já o vigilante Luciano Correia de Lima, de 29 anos, morreu na entrada da cidade ao ser arrastado pela enxurrada e cair com uma moto em uma boca de lobo. Ele tinha acabado de sair da Rodovia Anhanguera, no km 155.

Segundo a Polícia Rodoviária, Lima foi arrastado por cerca de 200 metros na tubulação que passa por baixo da rodovia. O corpo dele foi encontrado no bairro Sítio Nossa Senhora Aparecida, nos fundos de um pesqueiro. O vigilante será enterrado nesta segunda-feira, às 16h30, no Cemitério Parque Gramado, em Americana.

Na região central, uma mulher ficou ferida depois de ser arrastada pela enxurrada e um muro cair sobre ela. Ela foi levada para o Hospital Estadual com vários cortes na cabeça, mas está fora de perigo.

Sem atendimento

O pronto-socorro central de Sumaré vai ficar fechado nesta segunda-feira por causa do temporal. A unidade de saúde teve de ser interditada por conta dos ventos fortes que levaram parte do telhado. Cerca de 40 pacientes foram transferidos para hospitais da região na noite de sábado. Segundo a assessoria de imprensa da Prefeitura de Sumaré, os funcionários foram remanejados para outras unidades e a população deve procurar os prontos-socorros do Matão e do Distrito de Nova Veneza.    

veja também