MENU

Presidente afirma que exigência de viagens vai aumentar até o fim do governo

Presidente afirma que exigência de viagens vai aumentar até o fim do governo

Atualizado: Segunda-feira, 7 Junho de 2010 as 9:41

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva deu sinais hoje (7) de que não deve diminuir a carga de trabalho - sobretudo de viagens - nos próximos meses. Em seu programa semanal Café com o Presidente, ele afirmou que a exigência de viagens deve aumentar e que as visitas podem passar a incluir fins de semana.

No início do ano, Lula chegou a ficar internado depois de uma crise de hipertensão provocada, segundo os médicos pessoais do presidente, por uma agenda de trabalho intensa e pelo estresse físico provocado pelas viagens.

Esta semana, ele visitas as cidades de Fortaleza (CE), Natal (RN), Maceió (AL), Aracaju (SE) e Salvador (BA). Os compromissos incluem o início de obras na BR-101 e um congresso empresarial.

''Tenho consciência de que, até o fim do governo, vai aumentar a exigência de viagens. Nós temos muitas coisas para inaugurar, o PAC [Programa de Aceleração do Crescimento] está a todo vapor, a última apresentação foi extraordinária, inclusive com a capacidade de investimento e de pagamento que o governo está tendo nas obras. Então, vou ter muita coisa para fazer, eu quero fazer e não vou parar de fazer''.

Por Paula Laboissière

Edição: Graça Adjuto

veja também