MENU

Preso por engano em SP é inocentado pela mãe da vítima

Preso por engano em SP é inocentado pela mãe da vítima

Atualizado: Quinta-feira, 7 Abril de 2011 as 9:10

O servente de pedreiro que ficou preso por engano em Araraquara, no interior de São Paulo, foi finalmente inocentado pela Justiça.

Reginaldo José da Silva foi confundido com um homem acusado de matar uma mulher em Alagoas por ter o mesmo nome do procurado. Além disso, o nome da mãe também é o mesmo.

Ele se apresentou ao juiz em Maceió (AL) nesta quarta-feira (6) e fez uma acareação com a mãe da vítima.     "Fiz questão de vir aqui", disse ele, que revelou que a passagem foi paga pelo patrão. Ele afirmou ainda que foi a primeira vez que visitou a cidade do Nordeste, palco do crime. "É para tirar tudo isso a limpo. Não tenho medo. Eu não devo", afirmou.

A acareação foi feita a portas fechadas. Depois, ele fez questão de cumprimentar a mãe da vítima e abraçar a delegada do caso, Maria Aparecida Araújo. "Quando vi a foto do Reginaldo de Araraquara eu vi que não era o homem que eu estava procurando." A mãe também teve a certeza após vê-lo.

Agora a defesa de Reginaldo José da Silva quer processar o estado pelo erro da Justiça. O patrão teve despesas com a contratação de advogados e o deslocamento até Maceió. Além disso, os defensores querem uma indenização pelo constrangimento causado ao servente de pedreiro, que teve de provar sua inocência.

"O que mais quero agora é ficar junto com minha família e voltar para o meu serviço. As outras coisas a gente vê depois", afirmou o servente.

O verdadeiro criminoso voltou à lista dos procurados.        

veja também