MENU

Presos que participaram de ataques a ônibus no Rio são levados para MS

Presos que participaram de ataques a ônibus no Rio são levados para MS

Atualizado: Quinta-feira, 3 Fevereiro de 2011 as 2:47

Doze presos que estavam no Complexo Penitenciário de Gericinó, na Zona Oeste do Rio de Janeiro, foram transferidos na quarta-feira (2) para a Penitenciária Federal de Campo Grande, no Mato Grosso do Sul. Os detentos são acusados de participar dos ataques e incêndios de ônibus e carros no Rio, em novembro de 2010. As informações são do Ministério da Justiça.

Os presos foram escoltados por nove agentes penitenciários federais e cinco homens da Força Nacional até um avião da Polícia Federal, no Rio. De acordo com o Ministério da Justiça, os 12 detentos desembarcaram em Campo Grande por volta das 11h.

Onda de ataques terminou com ocupação do Alemão

No fim de novembro de 2010, chefes de facções criminosas do Rio foram levados, também de avião, para o Presídio Federal de Segurança Máxima de Catanduvas, no Paraná. Na época, o secretário de Segurança Pública do Rio, José Mariano Beltrame, solicitou a transferência porque os detentos podiam estar envolvidos nos ataques às bases policiais e aos veículos incendiados no Rio.

Alguns dias após a transferência, uma operação conjunta entre as polciais Civil e Militar, com o apoio das Forças Armadas, ocuparam as favelas dos conjuntos da Penha e do Alemão, na Zona Norte do Rio. Há décadas, essas comunidades viviam sob a sombra do tráfico de drogas.    

veja também