MENU

Primeira morte por leptospirose de 2011 é confirmada em Campinas, São Paulo

Primeira morte por leptospirose de 2011 é confirmada em Campinas, São Paulo

Atualizado: Sexta-feira, 28 Janeiro de 2011 as 2:28

A Secretaria de Saúde de Campinas confirmou hoje o primeiro caso de leptospirose de 2011. O doente, um homem de 37 anos, da região norte da cidade, morreu no dia 18 de janeiro em um hospital do município. Segundo o órgão, a vítima havia frequentado local com presença de roedores e se exposto à água de enchente.

Neste ano, Campinas notificou 38 casos suspeitos de leptospirose, sendo que oito foram descartados e 29 aguardam resultados de exames laboratoriais. Em 2010, foram notificados 324 casos suspeitos, sendo que 19 foram confirmados. Quatro pessoas morreram com a doença. Os números referentes ao ano passado podem aumentar porque ainda existem resultados de exames pendentes.

A leptospirose é uma doença causada pela bactéria leptospira presente na urina dos roedores. Em situações de enchentes e inundações, a urina destes animais mistura-se à enxurrada e à lama. Alguns dos sintomas são febre, dor de cabeça, fraqueza, dor no corpo, principalmente na barriga da perna, e calafrios, que aparecem, em média, de sete a quinze dias após a contaminação.    

veja também