MENU

Professor de MT denuncia sofrer ameaças por aplicar notas baixas

Professor de MT denuncia sofrer ameaças por aplicar notas baixas

Atualizado: Segunda-feira, 4 Julho de 2011 as 4:34

Um professor do curso de Agronomia da Universidade Estadual de Mato Grosso (Unemat), de 57 anos, denunciou à Polícia Militar ter recebido constantes ameaças, até mesmo de morte, de um grupo de alunos que estaria contrariado com as notas baixas aplicadas pelo docente. O professor dá aulas no campus de Alta Floresta, a 800 quilômetros de Cuiabá.

Segundo consta do boletim de ocorrência, o professor informou que, em príncipio, havia sido procurado por um colega professor que o teria alertado sobre comentários de que alguns alunos estariam planejando algo contra ele.

Um desses alunos, que teve o nome citado pelo professor à polícia, teria o ameaçado, dizendo saber o endereço de sua residência e que tomaria uma atitude diante das notas baixas nas provas da disciplina ministrada pelo profissional.

O aluno em questão foi mencionado pelo docente como o principal motivador desse grupo que estaria agindo contra ele. A denúncia foi feita neste sábado (2) ao Centro de Operações da PM de Alta Floresta. O intuito do professor é se resguardar perante à polícia se eventualmente sofrer algum atentado.

Outro lado

A coordenadoria de Comunicação da Unemat, de Cáceres, a 250 quilômetros de Cuiabá, informou que o reitor da instituição, Adriano Silva, irá se reunir no início da tarde desta segunda-feira (4) com o coordenador do campus de Alta Floresta, Marco Antônio Camillo de Carvalho, para definir alguma medida a ser tomada em relação às supostas ameaças.          

veja também