MENU

Professores e alunos da Unifesp fazem manifestação na Av. Paulista

Professores e alunos da Unifesp fazem manifestação na Av. Paulista

Atualizado: Quarta-feira, 24 Agosto de 2011 as 1:34

Estudantes e professores fazem apitaço para os motoristas na Avenida Paulista (Foto: Paulo Guilherme/G1)

  Cerca de 500 pessoas, entre estudantes, professores e funcionários da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) fizeram por volta de 12h desta quarta-feira (24) na Avenida Paulista, região central de São Paulo. A universidade enfrenta greve de servidores e funcionários nos campi de Santos e Diadema. Também participaram da manifestação representantes da Universidade Federal do ABC e do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo.

A manifstação foi acompanhada por soldados da Polícia Militar e não atrapalhou o trânsito na região. Com apitos na boca, estudantes aderiram ao movimento dos docentes e fizeram um apitaço no semáforo em frente ao Museu de Arte de São Paulo (Masp). "Dilma, hoje a aula é na rua", gritavam os alunos, com faixas pedindo aumento para 10% do Produto Interno Bruto (PIB) o investimento em educação.

Estudantes exibiram faixas por melhoria na educação (Foto: Paulo Guilherme/G1)

  Entre as reivindicações dos docentes estão mais verbas para a educação pública, gratuita, de qualidade e em todos os níveis, defesa da valorização dos salários e da carreira de professores e servidores técnicos em educação, melhoria das condições de trabalho e contratação de pessoal nas universidades federais, principalmente nas unidades recém criadas pelo governo federal.

"O governo anunciou expansão da rede de universidades e institutos federais mas é preciso investimento forte do governo para a consolidação deste projeto", destaca a professora Soraya Smaili, vice-presidente da Associação dos Docentes da Unifesp. Ao final, os manifestantes caminharam por uma faixa da avenida até a esquina com a Rua da Consolação.

Alunas mostram cartaz com reivindicações (Foto: Paulo Guilherme/G1)              

veja também