MENU

PSDB diz que interpelação do PT contra Serra é "cúmulo da inversão ética"

PSDB diz que interpelação do PT contra Serra é "cúmulo da inversão ética"

Atualizado: Sexta-feira, 4 Junho de 2010 as 7:14

O presidente do PSDB, senador Sérgio Guerra (PE), criticou o PT por dizer que irá interpelar judicialmente o pré-candidato tucano à Presidência, José Serra. Segundo ele, o processo do PT é o ''cúmulo da inversão ética''.

Nesta quinta-feira, o PT decidiu interpelar Serra para que ele confirme ou não a declaração na qual atribuiu a Dilma Rousseff (PT) a responsabilidade pela confecção de um suposto dossiê contra ele. Se reafirmar, será processado, segundo os petistas.

''Quem deve alguma explicação a respeito dessa fábrica de dossiês é o PT e a campanha da Dilma'', escreveu o senador na sua página no Twitter.

Segundo o tucano, ''se a Dilma não manifesta repúdio ao que foi feito, não manda embora e nem entrega os malfeitores, então ela assume a responsabilidade por mais essa trapalhada. Não adianta inverter as coisas.''

Depois de uma reunião entre o presidente do PT, José Eduardo Dutra, e o secretário-geral do partido, deputado José Eduardo Cardozo (PT-SP), o partido decidiu processar Serra.

''Um candidato à Presidência não pode ficar fazendo acusações ao léu. Se ele confirmar o que disse, entraremos com uma ação por danos morais. Ele terá de provar o que falou. Essa declaração é uma lesão à imagem de Dilma'', defendeu Cardozo.

No sábado, a revista ''Veja'' divulgou que petistas articularam a montagem de uma equipe de espionagem para confeccionar dossiês contra adversários, mas a estratégia não teria ido adiante, em razão de intervenção de outra ala do partido.

Ontem, Serra comentou pela primeira vez o episódio. ''A principal responsabilidade desse dossiê é da candidata Dilma. Não tenho dúvidas'', afirmou. A ex-ministra da Casa Civil rebateu a acusação. ''Isso é uma falsidade. Não vou ficar batendo boca, mas isso é uma falsidade.''

veja também