MENU

PT entra com ação contra vice de Serra por pedido de voto no Twitter

PT entra com ação contra vice de Serra por pedido de voto no Twitter

Atualizado: Quarta-feira, 7 Julho de 2010 as 9:09

O PT protocolou nesta terça-feira (6) ação no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) contra o deputado Indio da Costa (DEM-RJ), candidato a vice-presidente da República na chapa encabeçada por José Serra, do PSDB, por antecipar campanha no microblog Twitter.

Segundo a representação, o tucano teria postado em seu microblog no dia 4 de julho frases, em resposta a seguidores, que poderiam configurar propaganda eleitoral. Em uma resposta, ele pediu voto a um eleitor. A legislação eleitoral proibia o início da campanha –incluindo pedido de votos– antes desta terça (6).

“Conto com seu apoio e com o seu voto. Serra Presidente: o Brasil pode mais. Vou dar tudo de mim. Vamos para as ruas eleger Serra Presidente”, postou Indio da Costa. O trecho foi reproduzido na ação proposta pelo PT. Os petistas pedem aplicação de multa ao candidato tucano que varia de R$ 5 mil a R$ 25 mil.

“Se essa [frase de Indio da Costa] tiver algum cunho de propaganda antecipada, então a propaganda que o Lula e a Dilma fizeram teria peso descomunal a mais. Não acho que possa ser interpretada como propaganda uma resposta a uma provocação de um seguidor do Twitter. Não sei nem se o tribunal vão interpretar assim”, afirmou o advogado Antonio Marra, que tranalha para a campanha da coligação PSDB-DEM.

A assessoria da liderança do DEM na Câmara dos Deputados afirmou que Indio da Costa colocou o post em seu Twitter na noite de domingo em respota a um seguidor do candidato. Na segunda-feira (5), por volta das 15h, a própria assessoria da liderança do DEM retirou o post da página do deputado no Twitter.

Por: Débora Santos e Iara Lemos

veja também