MENU

Quase 30 milhões devem receber vacina contra a gripe, diz Dilma

Quase 30 milhões devem receber vacina contra a gripe, diz Dilma

Atualizado: Segunda-feira, 25 Abril de 2011 as 8:11

A presidente Dilma Rousseff disse nesta segunda-feira (25) que quase 30 milhões de pessoas fazem parte da população que deve receber a vacina da Campanha Nacional de Vacinação contra a gripe, que começa hoje. A informação foi dada em seu programa semanal de rádio, Café com a Presidenta.

“Queremos proteger todo mundo. Para isso, estamos distribuindo 33 milhões de doses da vacina, e não vamos medir esforços para que elas cheguem a cada canto do nosso país”, afirmou Dilma.

De acordo com Dilma a gripe não é uma doença banal. “Os médicos alertam que a gripe deixa a defesa do nosso corpo mais fraca e, por isso, pode causar complicações, pode favorecer outras doenças”, disse.

Neste ano, além dos idosos e índios, Dilma lembrou que o governo chama aos postos de vacinação as crianças entre seis meses e dois anos, que vão tomar duas doses de vacina, as grávidas e os trabalhadores da área de saúde.

“As crianças menores de dois anos são as que mais sofrem complicações causadas pela gripe. As grávidas, também (...). E os trabalhadores da saúde têm que estar vacinados para não transmitir a gripe a quem procura os serviços médicos”, declarou.

De acordo com a presidente, a campanha existe há 13 anos e desde que ela começou o governo conseguiu reduzir em 60% as internações por pneumonia, principalmente entre as pessoas com mais de 60 anos.

Dilma lembrou que o Programa Nacional de Imunização brasileiro é considerado um dos melhores do mundo, reconhecido pela Organização Mundial da Saúde (OMS).

“O Brasil foi o primeiro país a incluir [no cartão das crianças] a vacina contra o rotavírus no sistema público de saúde, ainda no ano de 2006”, lembrou. De acordo com a presidente, algumas dessas vacinas são fabricadas no Brasil.

Dilma lembrou que é muito importante se vacinar contra a gripe. “A partir de hoje e até o dia 13 de maio, procure o posto de saúde mais próximo para se vacinar contra a gripe. O atendimento vai ser rapidinho, de graça e vai te proteger.”

"Eu estou na categoria de mais de 60 anos. Hoje mesmo eu vou me vacinar", afirmou.

veja também