MENU

Quatro pessoas são presas por tentativa de fraude em vestibular

Quatro pessoas são presas por tentativa de fraude em vestibular

Atualizado: Segunda-feira, 12 Setembro de 2011 as 1:10

Quatro pessoas, entre 22 e 28 anos, foram presas no último domingo (12) durante prova do vestibular de medicina da Uningá, na cidade de Maringá, Norte do Paraná. De acordo com a Polícia Civil, eles tentaram fraudar o concurso através de pontos eletrônicos e celulares, pelos quais pagaram R$ 500 cada. O delegado que investiga o caso, Gustavo Alves, contou ao G1 que soube da situação através de uma denúncia anônima. “Solicitei que os investigadores se deslocassem e verificassem a veracidade”, relatou. Após terem os aparelhos descobertos, os suspeitos afirmaram que receberiam uma mensagem com o gabarito da prova por volta do meio dia. Neste horário, os equipamentos já estavam em poder da polícia, que confirmou o recebimento.

Os quatro foram detidos por tentativa de estelionato. Eles eram naturais dos estados do Pará, Bahia e Mato Grosso. De acordo com o delegado, o crime é afiançável, mas apenas uma pessoa realizou o pagamento de R$ 5 mil para deixar a cela. Segundo a polícia, eles afirmaram que pagariam até R$ 20 mil à quadrilha quando o resultado com a aprovação fosse divulgado.

Quadrilha

De acordo com o delegado Alves, a tentativa de fraude foi organizada por uma quadrilha. “Um deles, que realizou a prova, sairia, corrigiria as questões, e repassaria para esses candidatos” contou. Ele informou também que uma pessoa já foi identificada, e que, de acordo com os depoimentos, os aparelhos foram repassados aos candidatos por pessoas diferentes.

Vestibular mantido

O diretor geral da Uningá, Ricardo de Oliveira afirmou que o resultado do concurso será mantido, e que todos os vestibulandos passaram por detectores de metal. “Não havia como ocorrer um desfecho favorável para os bandidos”, finalizou.          

veja também