MENU

Quatro PMs de UPP são afastados após confusão no morro dos Macacos

Quatro PMs de UPP são afastados após confusão no morro dos Macacos

Atualizado: Segunda-feira, 14 Março de 2011 as 3:21

Quatro soldados da UPP (Unidade de Polícia Pacificadora) do Morro dos Macacos, em Vila Isabel, na zona norte do Rio, prestam depoimento na Corregedoria da Polícia Militar por terem se envolvido em uma confusão com um grupo que participava de uma festa na madrugada desta segunda-feira (14).

De acordo com a secretaria de Segurança Pública, os policiais efeturaram três tiros, após terem sido agredidos por alguns dos participantes da festa, que estava sendo realizada na Rua Silva Pinto, esquina com Rua Corrêa de Oliveira.

Cinco pessoas foram feridas sem gravidade por estilhaços de vidro provocados por um dos disparos. Um soldado foi ferido na mão, após ter sido agredido com uma garrafa. Cinco pessoas foram detidas e encaminhadas para a Delegacia de Vila Isabel (20ª DP).

Durante as investigações, os policiais ficarão afastados de suas funções. O comandante de Polícia Pacificadora, coronel Robson Rodrigues, esteve no local durante a madrugada.

- Houve erros de ambas as partes. Os policiais foram agredidos, mas o policial de UPP é treinado para usar outros métodos de mediação de conflito que não o tiro por arma de fogo - disse o coronel. Em nenhum momento os policiais tentaram encerrar a festa. Eles foram ao local, atendendo a solicitação de outros moradores, para apenas pedir que o som fosse diminuído.

Na semana passada um grupo de policiais da UPP da Cidade de Deus foi afastado após uma briga com moradores da favela de Jacarepaguá, na zona oeste do Rio. Alguns PMs jogaram spray de pimenta em alguns moradores e atiraram para o alto para dispersar a multidão. Eles teriam quebrado a câmera de um fotógrafo.      

veja também