Quem vai viajar precisa se prevenir contra febre amarela e sarampo

Quem vai viajar precisa se prevenir contra febre amarela e sarampo

Atualizado: Segunda-feira, 12 Dezembro de 2011 as 1:21

As férias escolares estão chegando e, com a proximidade das festas de fim de ano, muitas famílias já se preparam para viajar. Mas antes da viagem é preciso verificar se a carteira de vacinação está em dia.

Algumas regiões do país e também do exterior são consideradas áreas de risco para doenças como a febre amarela e sarampo. A imunização contra a febre amarela está disponível no SUS (Sistema Único de Saúde) e é indicada para qualquer pessoa, a partir dos nove meses de idade, que for viajar a áreas consideradas de risco, especialmente para regiões rurais, ribeirinhas e de mata. Quem se vacinou há menos de 10 anos não precisa repetir a dose. O ideal é que as pessoas sejam vacinadas com, ao menos, 10 dias de antecedência à viagem.

Na região de Itapetininga, interior de São Paulo, a cidade de Itapeva e municípios próximos são considerados área de risco para febre amarela. Outras cidades paulistas onde corre o alerta são: Presidente Prudente, Presidente Venceslau, Araçatuba, Jales, São José do Rio Preto, Barretos, Franca, Ribeirão Preto, Araraquara, Bauru, Marília, Assis, Botucatu e Sorocaba.

Outros destinos no Brasil onde é preciso estar prevenido contra a febre a marela são os estados do Norte e Centro-Oeste além de Minas Gerais, Maranhão, Piauí, Paraná, Rio Grande do Sul e Santa Catarina e parte da Bahia

A febre amarela é uma doença infecciosa transmitida por mosquitos e que pode levar à morte. Os sintomas mais comuns são febre alta, calafrios, vômitos, dores no corpo, pele e olhos amarelados, sangramentos, fezes cor de "borra de café" e diminuição da urina.

Já com relação ao sarampo, de acordo com a Secretaria estadual da Saúde, foram registrados em 2011 no estado apenas casos de pessoas que se contaminaram na Europa, onde mais de 30 países apresentaram ocorrências este ano. Também registraram surtos de sarampo países da África e da Oceania, por isso a vacinação é importante pra quem vai viajar pra essas regiões.

As crianças devem tomar a primeira dose da vacina contra o sarampo ao completar um ano de idade e a segunda dose, entre 4 e 6 anos. Para adolescentes de até 19 anos também são recomendadas duas doses e para adultos de até 50 anos, uma dose. O ideal é que a vacinação contra o sarampo seja realizada 15 dias antes de viajar.

Os principais sintomas do sarampo são febre e manchas avermelhadas no corpo, acompanhados ou não de tosse, coriza e conjuntivite. Nesses casos, a recomendação é para que a pessoa procure imediatamente um posto de saúde e evite contato desnecessário com outras pessoas até que receba avaliação médica.      

veja também