MENU

Recomeça julgamento de acusados de matar Isabella

Recomeça julgamento de acusados de matar Isabella

Atualizado: Terça-feira, 23 Março de 2010 as 12

Recomeçou às 10h05 desta terça-feira (23) o julgamento do casal Alexandre Nardoni e Anna Carolina Jatobá, acusados de matar a menina Isabella. Na segunda, apenas a mãe da criança, Ana Carolina Oliveira, foi ouvida no Fórum de Santana, na Zona Norte de São Paulo.

Nesta terça deverão depor outras quatro testemunhas da acusação. A primeira a depor é Renata Helena da Silva Pontes, delegada do 9º Distrito Policial responsável por investigar o caso e que indiciou o casal. O depoimento dela começo a ser colhido às 10h15. Nesta terça também devem ser ouvidos o médico Paulo Sergio Tieppo, legista do Instituto Médico Legal que analisou o corpo de Isabella e constatou marcas de esganadura no pescoço da menina; o policial militar Luis Carvalho, um dos primeiros a atender a ocorrência sobre a queda de Isabella do apartamento do pai, na noite de 29 de março de 2008.

Também será ouvida a perita Rosangela Monteiro, do Núcleo de Crimes Contra a Pessoa e que fez o laudo sobre a cena do crime. Esse depoimento é considerado um dos mais importantes, pois o laudo produzido pela perita sustenta a tese da promotoria de que Anna Jatobá agrediu e esganou Isabella, enquanto Alexandre atirou a filha no chão e a soltou da janela do sexto andar do edifício London. Além disso, a perita afirma que o sangue encontrado dentro do veículo do casal é de Isabella. Para ela, Isabella era a única ferida dentro do carro na noite do crime e, pela lógica, o sangue seria da menina.

Essa afirmação vai contra a informação do Núcleo de Biologia do Instituto de Criminalística de São Paulo, que afirma ser impossível precisar de quem é o material genérico encontrado no veículo.

Após essas testemunhas serem ouvidas, será a vez de as pessoas arroladas pela defesa dos Nardoni deporem no júri. O julgamento deve durar até o fim desta semana.

veja também