MENU

Região serrana do Rio registra 836 mortos

Região serrana do Rio registra 836 mortos

Atualizado: Quarta-feira, 26 Janeiro de 2011 as 1:21

A Polícia Civil do Rio de Janeiro informou na manhã desta quarta-feira (26) que o número de mortos na região serrana do Estado por causa do forte temporal que devastou a área no último dia 11 já chega a 836.

Nova Friburgo é a cidade com maior número de vítimas, 399. Já Teresópolis vem em segundo lugar com 344 mortes. O distrito de Itaipava, em Petrópolis, teve 67 corpos resgatados. Sumidouro contabiliza 21 mortos; São José do Vale do Rio Preto, quatro; e Bom Jardim, um.

O número de desabrigados e desalojados chegava a 30 mil na noite de terça-feira (25), segundo levantamento da Defesa Civil. Mais de 500 desaparecidos.

Subiu para 541 o número de desaparecidos por causa do temporal que atingiu a serra fluminense. De acordo com o balanço do Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro, divulgado nesta quarta-feira, 244 pessoas ainda continuam desaparecidas em Teresópolis. Nova Friburgo contabiliza 185, e Petrópolis, 65. Os locais não informados somam 38 pessoas não encontradas. Sumidouro tem quatro; Bom Jardim, duas; Cordeiro tem uma; e São José do Vale do Rio Preto, duas.

O número de desaparecidos é registrado pelo PIV (Programa de Identificação de Vítimas) do Ministério Público. Em Teresópolis, o posto do PIV funciona na praça Luís de Camões, sem número, no Centro. Em Nova Friburgo, o posto fica na praça Demerval Barbosa, sem número, no Centro.

O PIV em Petrópolis está funcionando na Coordenação do Centro Regional, na rua Marechal Deodoro, número 88, no Centro. O MP também montou um posto de atendimento avançado no Fórum do Distrito de Itaipava, na estrada União Indústria, sem número, ao lado do Corpo de Bombeiros.

Os postos funcionam de segunda a sexta-feira, das 9h às 18h, e são coordenados pelo procurador de Justiça Rogério Scantamburlo e pelo promotor de Justiça Pedro Borges Mourão.

A lista nominal pode ser consultada no site do MP. O registro de desaparecimento de familiares ou conhecidos também pode ser feito por meio de formulário, disponível no site do MP, ou pelos telefones (0xx21) 2283-6466, 2283-6460, 2283-5674, 2283-6489 e 2283-6498.    

veja também