MENU

Relatório aponta falhas estruturais no Centro de Reabilitação de Curitiba

Relatório aponta falhas estruturais no Centro de Reabilitação de Curitiba

Atualizado: Sexta-feira, 27 Maio de 2011 as 3:13

   O Centro Hospitalar de Reabilitação de Curitiba precisará de mais R$ 3 milhões para atender conforme deveria, segundo o relatório de uma auditoria feita pela Secretaria Estadual de Saúde. Entre os problemas encontrados estão as faltas de estrutura e de pessoal.

Inaugurado em 2008, o Centro custou R$ 20 milhões e foi projetado pra se tornar referência no atendimento de alta complexidade para pacientes com deficiência. Na teoria, deveriam ser realizadas 300 consultas por dia, mas, na prática, são feitas menos de 20.

Na unidade de internação, existem 69 leitos que nunca foram usados. Ao invés serem usadas com pacientes, as salas ficam fechadas ou servem de arquivo. Faltam tomógrafos, aparelhos de ressonância, sistema de aquecimento, e autoclave – equipamento de esterilização.

Também foram encontrados problemas de acessibilidade na estrutura. Os pacientes que estiverem de roda não conseguem tomar banho, pois há um obstáculo no box que não permite a entrada do objeto.

O Secretário de Saúde, Michele Caputo Neto, afirmou que o hospital não deveria ter sido inaugurado. Segundo ele, o probellma resolvido, mas em um prazo definiido. Uma comissão foi formada pra levantar quantas pessoas deverão ser contratadas. O Governo do Estado trocou toda a diretoria e encaminhou o relatório da auditoria para o Ministério Público, Tribunal de Contas e Procuradoria Geral do Estado.

veja também