MENU

Remarcada audiência de ação de mãe de Marcelo Silva.

Remarcada audiência de ação de mãe de Marcelo Silva.

Atualizado: Quarta-feira, 10 Novembro de 2010 as 5:06

A apresentadora Ana Maria Braga não compareceu à audiência do processo movido pela mãe de Marcelo Silva, que foi casado com a atriz Susana Vieira, por injúria e difamação. A audiência de Instrução e Julgmamento estava marcada para a tarde desta quarta-feira (10), no Fórum da Taquara, em Jacarepaguá, na Zona Oeste do Rio, mas foi remarcada para o dia 13 de dezembro porque a intimação não foi enviada para a residência oficial da apresentadora, em São Paulo.

Regina Célia Silva, mãe do ex-PM Marcelo Silva, resolveu processar Ana Maria após a apresentadora afirmar em seu programa que Marcelo “poderia desaparecer e que não faria falta”. A declaração foi dada logo após a separação do casal. O fato ocorreu em 2008. No mesmo ano, Marcelo Silva morreu com sinais de overdose de cocaína, na garagem do flat onde morava a sua atual namorada, a nutricionista Fernanda Cunha, na Barra da Tijuca, na Zona Oeste.

O advogado René Rocha, que representa a mãe de Marcelo, explicou que na época da declaração o ex-PM ainda era vivo e tinha manifestado a intenção de processar a apresentadora. Como ele morreu antes de ajuizar a ação, sua mãe o fez em seu lugar.

Apesar da ausência da apresentadora na audiência, Regina Célia disse que está confiante na condenação de Ana Maria. O advogado René Rocha explicou que caso seja condenada, a apresentadora vai cumprir pena alternativa, que poderá ser revertida em prestação de serviços à comunidade. O advogado disse ainda que não entrou com pedido de indenização por danos morais contra a apresentadora.

Processo contra Susana Vieira e Maitê Proença

Após a morte do filho, Regina também processou a ex-nora e a atriz Maitê Proença, ambas por calúnia e difamação. Segundo o advogado René Rocha, o processo contra Maitê Proença foi arquivado. Já a ação contra Susana Vieira ainda tramita na Justiça.

A ex-sogra alega que Susana teria dito em uma entrevista que Marcelo a teria roubado e que sua mãe herdou dinheiro fruto dos desvios de uma obra superfaturada em sua casa, além do carro que havia lhe dado.

A ação contra Maitê Proença foi após seu comentário no programa "Saia Justa", do canal a cabo GNT, sobre a morte do ex-PM. Nele, a atriz teria dito, segundo consta no processo, “morre tanta gente legal. Quando morre uma porcaria como essa, é muito bom”.

Fonte :G1

veja também