MENU

Restauração de painéis de Cândido Portinari, na ONU, receberá ajuda do BNDES

Restauração de painéis de Cândido Portinari, na ONU, receberá ajuda do BNDES

Atualizado: Sexta-feira, 30 Julho de 2010 as 9:16

A restauração dos painéis de Cândido Portinari, intitulados de Guerra e Paz , instalados desde 1957, como presente do governo do Brasil, no saguão do prédio da Organização das Nações Unidas (ONU), em Nova York, vai receber apoio financeiro de R$ 6,5 milhões do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). Parte do dinheiro também vai ajudar uma exposição dos painéis após a sua restauração. O anúncio foi feito hoje (29) pelo BNDES e, segundo a assessoria de imprensa, os recursos não reembolsáveis serão repassados à Associação Cultural Cândido Portinari e são oriundos do fundo cultural da instituição.

O público poderá apreciar as obras de recuperação dos painéis, que serão feitas no Rio de Janeiro, em espaço ainda a ser definido no Palácio Gustavo Capanema ou no Museu Nacional de Belas Artes. A restauração tem previsão de ser concluída em quatro meses. O BNDES ficará responsável ainda pelo armazenamento dos painéis, enquanto durar o processo de modernização do prédio da ONU, previsto para três anos.

A entidade internacional decidiu que seria mais conveniente retirar do edifício as obras de arte representativas de seus países-membros durante o período de reforma, para evitar danos. Além disso, julgou que seria uma oportunidade significativa para que fossem expostas em seus locais de origem, informou a assessoria do BNDES. O prédio da ONU foi construído entre 1947 e 1952.

veja também