MENU

Rodrigo Faro: "Brinco de boneca como ninguém"

Rodrigo Faro: "Brinco de boneca como ninguém"

Atualizado: Quarta-feira, 8 Dezembro de 2010 as 11:44

Rodrigo Faro esteve na inauguração do quiosque Gilette, no Morumbi Shopping, em São Paulo, na manhã desta terça-feira (7) ao lado do ator Reynaldo Gianecchini. As fãs presentes no local começaram a gritar "Dança, gatinho" quando viram o apresentador. O pedido era uma alusão ao famoso quadro que ele comanda no programa "Melhor do Brasil", da Record, em que aparece caracterizado como diversas personalidades, de Michael Jackson a Mulher Melancia, passando por Lady Gaga e Justin Bieber, para fazer imitações.

"Qualquer lugar, onde eu vou, elas [fãs] pedem para eu dançar. Isso virou uma febre", disse Faro, que também recebe pedidos das filhas Clara e Maria. "Outro dia, elas colocaram o CD do Justin Bieber e gritaram ‘papai, vem dançar pra gente’", disse.

O apresentador também falou sobre a ideia de ser pai de um menino. "Eu só faço mulher. No começo, eu queria muito um [filho] homem, mas agora tenho paixão por meninas. Não me vejo mais como pai de um menino. Brinco de boneca como ninguém, faço cabelo, estou craque."

 Beleza

Faro também falou sobre seus cuidados com a aparência. "Sou uma pessoa que se cuida, mas não sou um homem de grandes cuidados. Acho que tenho cara de homem. Não tenho aquela beleza que você fala ‘óóóóó’, mas acho importante o homem ter virilidade, ter atitudes de homem."

O apresentador contou que faz a barba de três em três dias. "A primeira vez foi aos 18 anos. Gosto de ficar com o rosto lisinho."

Carreira

Desde que trocou a Globo pela Record, Faro está focado na carreira de apresentador, embora tenha feito participações especiais nas novelas "Chamas da Vida" (2008) e "Ribeirão do Tempo" (2010). Ele contou que não tem planos de fazer novelas: "Quero me firmar como apresentador, a ideia é essa."

Para 2011, ele já tem novas imitações planejadas. Entre elas, Rihanna, Skank e Jota Quest. A apresentadora Angélica, de quem é amigo desde que os dois iniciaram a carreira artística, também deve ganhar uma homenagem.

Por: Victoria Bessel

veja também