Saiba qual o melhor horário para deixar SP neste feriado

Saiba qual o melhor horário para deixar SP neste feriado

Atualizado: Sexta-feira, 3 Setembro de 2010 as 2:07

Com a chegada do Dia da Independência, o motorista que planeja viajar pelo estado precisa se programar para não enfrentar  trânsito e estragar logo de início seu feriado. Desta sexta-feira (3) até a terça (7), a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) estima que cerca de 1,5 milhão de carros deixem a capital paulista.

De acordo com a CET, o motorista deve evitar trafegar pela malha viária de São Paulo entre as 14h e as 22h desta sexta, programando sua viagem para o período entre as 22h e as 6h de sábado (4).

Por conta da grande movimentação de veículos em direção ao interior e ao litoral do estado, as principais concessionárias rodoviárias implementam operações especiais de tráfego para tentar aliviar os congestionamentos.

Litoral Sul

No sistema Anchieta-Imigrantes, que leva o motorista paulistano até a Baixada Santista, a Ecovias implementa a Operação Descida (7x3) a partir das 16h desta sexta (3), horário em que é esperado um maior fluxo de veículos em direção ao litoral Sul. Até a 1h de sábado, os veículos que descem a serra poderão utilizar as duas pistas da via Anchieta e a pista sul da Rodovia dos Imigrantes.

A operação volta a ser acionada entre as 8h e as 20h do próprio sábado e entre as 9h e as 12h do domingo (5). Durante a Operação Descida, a pista nova da Rodovia dos Imigrantes e a pista Norte da Via Anchieta só podem ser utilizadas por veículos de passeio.

No retorno à capital paulista, a Operação Subida (2x8) começa às 16h de domingo e vai até as 22h. Os veículos sobem a serra pelas duas pistas da Imigrantes e pela pista Norte da via Anchieta. Na segunda (6), a operação volta a ser implantada das 18h à 0h e, na terça, a partir das 10h.

A Ecovias estima que entre 280 e 410 mil veículos desçam para a Baixada Santista nesse feriadão.

Campos do Jordão e Litoral Norte

Quem for em direção à região serrana de Campos Jordão e ao litoral Norte, Alto Tietê e Vale do Paraíba pelas rodovias Ayrton Senna e Carvalho Pinto deve evitar viagem entre as 16h e as 20h desta sexta. No sábado, o horário de maior fluxo de veículos é das 8h às 13h.

Na terça, dia de retorno a São Paulo, a Ecopistas recomenda que o motorista pegue estrada fora do período das 15h às 20h. Segundo a concessionária, entre 890 e 970 mil veículos devem passar pelas quatro praças de pedágio do corredor em ambos os sentidos.

Belo Horizonte

Segundo a Autopista Fernão Dias, concessionária que administra a ligação de São Paulo à capital mineira, a rodovia deve concentrar maior volume de carros entre as 16h e as 23h desta sexta e das 6h às 19h do sábado, fazendo com que a viagem na madrugada seja uma boa opção.

Por conta da proibição da circulação de caminhões de três ou mais eixos no trecho entre Atibaia (km 36) e São Paulo, no sentido da capital paulista, aos domingos e feriados, o retorno deve ser mais tranquilo no dia 5 ou na própria terça-feira, Dia da Independência, cujo horário de pico tende a se estender das 15h às 23h.

Curitiba

Na Rodovia Régis Bittencourt, que liga São Paulo a Curitiba, serão montadas faixas reversíveis para suprir a maior demanda durante esse feriadão. Além disso, o acostamento do trecho de pista simples que vai do km 336 ao km 369, região da Serra do Cafezal, ficará liberado para o tráfego, aumentando a capacidade na região.

Nesta sexta, o horário de pico é das 18h às 22h. No sábado, o movimento intenso de carros se estende das 8h às 14h, e uma viagem na madrugada ou após a hora do almoço pode ser a melhor opção.

A previsão da concessionária Autopista é de que haja um aumento de 20% no volume diário de tráfego de veículos em relação aos dias normais.

Oeste Paulista

O motorista que segue em direção ao Oeste paulista pelo sistema Castello-Raposo encontrará maior morosidade entre as 17h e as 23h desta sexta. No sábado, o horário de pico acaba abrangendo praticamente o dia todo, com maior volume de carros circulando pelas rodovias Castello Branco e Raposo Tavares entre as 7h e as 17h.

Segundo a concessionária ViaOeste, mais de 580 mil veículos devem circular pelos dois sentidos do sistema neste feriadão. As praças de pedágio das duas rodovias irão atender com capacidade total e todas as obras em execução no sistema que possam atrapalhar o tráfego, como desvios ou interdições, serão suspensas das 12h desta sexta às 12h de quarta (8).

O retorno à capital paulista será mais intenso entre as 15h e as 23h de terça. Vale lembrar que das 14h às 23h do feriado o tráfego de caminhões estará proibido no sentido São Paulo da Rodovia Castello Branco.

Campinas e Norte do Estado

A viagem pelas rodovias Anhanguera e Bandeirantes em direção ao interior paulista tem previsão de maior concentração de veículos entre as 17h e 21h desta sexta e das 9h às 14h de sábado, o que favorece uma viagem tranquila na noite de sexta ou na manhã de sábado.

Para a viagem de volta a São Paulo, o tráfego mais intenso de veículos deve acontecer entre as 16h e as 22h do dia 7. Cerca de 760 mil veículos devem passar pelas duas rodovias até a próxima terça, estima a concessionária Autoban.

Os caminhões com destino à capital paulista estão proibidos de trafegar pela Rodovia dos Bandeirantes, entre os km 47 e 23, das 14h às 22h, tanto no domingo como na própria terça, o que favorece que o trânsito flua nesse horário. O acesso para a Via Anhanguera fica na saída do km 48 da Bandeirantes.

Rio de Janeiro e Vale do Paraíba

O tráfego de veículos na Rodovia Presidente Dutra deve ficar intenso a partir das 16h desta sexta e se estender até as 20h. No sábado, o trânsito fica mais complicado entre 8h e 12h. Cerca de 201 mil veículos devem deixar São Paulo durante o feriado usando a estrada.

A concessionária Nova Dutra alerta os motoristas para cinco obras em andamento ao longo da rodovia. No trecho paulista, as intervenções são no km 33, onde o trânsito flui apenas pela faixa da esquerda, e no km 67, que tem a faixa da direita e o acostamento liberados para o tráfego de veículos. Já no trecho fluminense da Via Dutra, os usuários devem ficar atentos aos km 292, 232 e 202, onde apenas a faixa da esquerda está aberta.

Após a viagem do feriadão, quem retornar a São Paulo deve encontrar mais dificuldades no horário entre 16h e 20h.

Postado por: Thatiane de Souza

veja também