MENU

Sobe para 70 número de cidades em emergência pela chuva em SC

Sobe para 70 número de cidades em emergência pela chuva em SC

Atualizado: Sábado, 29 Janeiro de 2011 as 12:01

Subiu para 70 o número de cidades que decretaram situação de emergência por causa da chuva que atinge Santa Catarina. O município de Mirim Doce está em estado de calamidade pública.

De acordo com boletim da Defesa Civil Estadual divulgado nesta sexta-feira (28), cerca de 930 mil pessoas foram afetadas pelas enxurradas em 80 municípios.

Mais de 26 mil pessoas tiveram que deixar suas casas em todo o estado. De acordo com a Defesa Civil, 24.124 pessoas estão desalojadas e outras 1.926 estão desabrigadas.

No total, cinco pessoas morreram por causa da chuva. Outras 162 pessoas ficaram feridas e 79 estão enfermas, segundo a Defesa Civil.

saiba mais

Governo federal anuncia verba de R$ 40 milhões para reconstrução em SC

Chuva em SC causa prejuízo de R$ 413 milhões, diz governo

As cidades em emergência são Antônio Carlos, Anitápolis, Alfredo Wagner, Águas Mornas, Anita Garibaldi, Armazém, Araquari, Araranguá, Aurora, Balneário Arroio do Silva, Balneário Barra do Sul, Balneário Gaivota, Biguaçu, Barra Velha, Bom Jardim da Serra, Braço do Norte, Braço do Trombudo, Bombinhas, Camboriú, Cocal do Sul, Corupá, Criciúma, Doma Emma, Ermo, Forquilhinha, Gaspar, Grão Pará, Gravatal, Guaramirim, Governador Celso Ramos, Içara, Ilhota, Imaruí, Itapoá, Itaiópolis, Jaguaruna, Jaraguá do Sul, Joinville, Jacinto Machado, Laurentino, Lauro Muller, Maracajá, Massaranduba, Meleiro, Major Gercino, Morro da Fumaça, Morro Grande, Nova Veneza, Palhoça, Passo de Torres, Pedras Grandes, Porto Belo, Rio do Campo, São Pedro de Alcântara, Santa Rosa do Sul, Santo Amaro da Imperatriz, São Bento do Sul, São Francisco do Sul, São João do Sul, São Martinho, Siderópolis, Sombrio, São José, São José do Cerrito, Taio, Turvo, Timbé do Sul, Treviso, Tubarão e Urussanga.

Um levantamento preliminar da Secretaria de Infraestrutura de Santa Catarina aponta que as chuvas causaram um prejuízo de R$ 413 milhões. Na quarta-feira (26), a presidente Dilma Rousseff anunciou a liberação de R$ 40 milhões para ajudar na reconstrução das cidades afetadas pela chuva em Santa Catarina.

veja também