MENU

Sul e Sudeste têm maior concentração de idosos, diz Pnad

Sul e Sudeste têm maior concentração de idosos, diz Pnad

Atualizado: Quarta-feira, 8 Setembro de 2010 as 1:19

A população entre 40 e 59 anos já representa 25,6% do total na região Sudeste e 26,2% no Sul do País. De acordo com a Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD) 2009, realizada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e divulgada nesta quarta-feira, o Brasil está envelhecendo, principalmente, nessas duas regiões.

Os brasileiros com mais de 60 anos representam 12,7% da população no Sudeste e 12,3% no Sul. Somando as pessoas acima de 40 anos nestas duas regiões, a pesquisa mostra que um terço do total da população é jovem. Quase 40% do total têm idade superior a 40 anos.

Segundo a pesquisa, houve redução de 642 mil pessoas entre 0 e 24 anos no País, de 2008 para 2009, contra o aumento de 1,8 mi de brasileiros na faixa etária de 25 a 59 anos no mesmo período. Com base nos dados de 2009, 58,4% dos brasileiros têm 25 anos ou mais, de acordo com a PNAD. Só na população acima de 60 anos o crescimento foi de 697 mil brasileiros, de 2008 para 2009, um aumento de 3,3%.

Região Norte está mais jovem

No Norte do País, a situação é diferente. O levantamento mostra que a região registrou as maiores concentrações nos grupos de jovens e que 21,4% da população é formada por pessoas de 5 a 14 anos. Apenas, 7,3% têm idade superior a 60 anos e 18,3% estão na faixa dos 40 aos 59 anos. Os estados do Acre e do Pará têm o maior índice de pessoas com até 24 anos do País: 52,4%. Os idosos somam 6,7% e 6,1%, respectivamente, da população total dos dois estados.

A região é também a que apresenta mais moradores por residência. Enquanto o número médio de pessoas por família residente em domicílio particular do País foi de 3,1, no Norte do Brasil a média ficou em 3,4. Já no Sul, o número de pessoas por família que moram em uma casa foi de 2,9.

Casamento

A PNAD 2009 chegou à conclusão de que quase metade dos brasileiros maiores de 15 anos, cerca de 66 milhões, é casada. De acordo com o estudo, 45,8% das pessoas com 15 anos ou mais são casadas, enquanto 42,8%, solteiras.

As regiões Sul e Sudeste concentram maior proporção de população casada em relação à solteira. Realidade que se inverte no Norte. A pesquisa levantou também que, de 35 a 39 anos, existem mais homens casados do que mulheres. No grupo de 70 anos de idade ou mais, a diferença chega 40,3 pontos percentuais de homens a mais em relação às mulheres casadas.

Ao mesmo tempo, a PNAD apurou que o número de mulheres desquitadas ou divorciadas é maior do que a porção de homens nesta situação. Assim como existem mais viúvas do que viúvos no País, por conta da maior expectativa de vida das mulheres.

Na PNAD 2009, foram pesquisadas 399.387 pessoas e 153.837 unidades domiciliares distribuídas por todas as Unidades da Federação.

Postado por: Thatiane de Souza

veja também