Suposto pai de santo é suspeito de estuprar filha de 5 anos

Suposto pai de santo é suspeito de estuprar filha de 5 anos

Atualizado: Terça-feira, 5 Julho de 2011 as 4:18

Casa de casal foi queimada na madrugada desta

terça-feira (Foto: Tawany Marry/G1 MS)

  O suposto pai de santo, de 35 anos, suspeito de abusar de duas crianças também teria estuprado a própria filha, uma menina de 5 anos, no Jardim Montevidéu, em Campo Grande. Segundo a Polícia Civil, a criança contou aos psicólogos que foi abusada enquanto ficava sozinha em casa com o pai. Além disso, o homem já era investigado por ter estuprado uma outra criança de 7 anos em 2008.

A delegada Regina Márcia Mota não detalhou quando teriam ocorridos os estupros da filha do suspeito. Ele já teve a prisão decretada, com base na denúncia de abuso sexual contra as outras duas meninas, com idade entre 6 e 7 anos.

Segundo Regina, família do suspeito está negociando a apresentação à polícia, pois teme pela integridade física dele. A casa onde ele mora, no Jardim Montevidéu, em Campo Grande, foi queimada na madrugada de sábado (3).

Segundo Regina, o homem deve ser indiciado por estupro de vulnerável, com pena de até 15 anos de prisão. Ele também pode responder por maus tratos a animais pois, segundo a denúncia, matava bichos durante os rituais de magia negra.

Os pais

Inicialmente, os pais das duas crianças, vizinhos do suposto pai de santo, também seriam indiciados por estupro de vulnerável e corrupção de menores, pois havia denúncia de que eles sabiam dos abusos e presenciavam os rituais.

A delegada disse que essas denúncias estão sendo investigadas, já que eles negam que sabiam dos abusos. “As meninas eram chamadas para brincar com os filhos dele dentro da casa”, disse Regina. A investigação também abrange a mulher do suposto pai de santo.

Segundo uma testemunha, em relato à Polícia Civil, a criança de seis anos já tinha sido abusada antes por um tio há um tempo atrás, mas o fato só veio à tona com a denúncia atual. O homem também teve a prisão temporária decretada, mas está foragido.

Incêndio

Na madrugada desta terça-feira (5), por volta da 2h30, a casa dos pais das duas meninas abusadas foi incendiada. O imóvel de dois cômodos ficou parcialmente destruído. Antes do incêndio, o local tinha sido saqueado. Foram levados uma televisão, um som e um botijão de gás.

A casa do pai de santo foi o primeiro alvo de um incêndio ocorrido na madrugada de sábado (2). O imóvel ficou totalmente destruído. Conforme a delegada Regina Márcia, os incêndios criminosos nas duas casas assim como os saques feitos na residência do casal serão apurados.

Vizinho do casal, suposto pai de santo (fundos) também teve casa queimada. (Foto: Tawany Marry/G1 MS)          

veja também