Suspeito é preso ao fazer buraco em parede de carceragem no RJ, diz PM

Suspeito é preso ao fazer buraco em parede de carceragem no RJ, diz PM

Atualizado: Quarta-feira, 18 Maio de 2011 as 2:54

Um homem foi preso em flagrante suspeito de fazer um buraco em uma das paredes da carceragem da Polinter de Macaé, no Norte Fluminense. Ele foi encontrado por policiais do 32º BPM (Macaé) durante a noite de terça-feira (17), dentro de um cemitério vizinho à carceragem. Segundo a polícia, o suspeito pretendia libertar cerca de 20 detentos que fugiriam pelo buraco.

Com ele, foram apreendidos um pé-de-cabra, uma máquina de furar e um celular, que, segundo os agentes, continha mensagens de detentos que perguntavam se o buraco já estava pronto. De acordo com a PM, o suspeito foi preso por dano ao patrimônio público.

Segundo o delegado da 123ª DP (Macaé), Sérgio Lorenzi, o suspeito não falou durante o depoimento. “Ele não quer falar nada, não que assinar nada. Diz que é trabalhador e que foi tudo armação da PM”, explica Lorenzi.

O delegado informou ainda que o suspeito já possuía passagem pela polícia por tráfico e roubo.        

veja também