MENU

Suspeito fez veneno em casa, diz testemunha sobre morte de animais

Suspeito fez veneno em casa, diz testemunha sobre morte de animais

Atualizado: Terça-feira, 17 Maio de 2011 as 8:23

Uma testemunha ouvida pela polícia de Ribeirão Preto, a 313 km da capital paulista, nesta segunda-feira (16), afirmou que o responsável pelo envenenamento de animais na cidade fabricou o veneno dentro de casa. A polícia agora procura pelo suspeito.

A lista de animais mortos é grande: um cachorro, seis gambás e 41 gatos. Os últimos três foram encontrados na tarde deste domingo (15). A polícia suspeita que as mortes tenham ocorrido por veneno de rato, mais conhecido por chumbinho. O produto é proibido e pode ter sido misturado à ração ou em pedaços de carne que as pessoas deixam para os animais perto de um bosque.     Os gatos viviam por perto de uma das entradas do zoológico. Eram cerca de 70 animais. Quando os funcionários chegaram para trabalhar, não viram mais os gatos. Eles resolveram, então, vasculhar uma pequena mata nas imediações e, logo, começaram encontrar os corpos.

A pena para esse tipo de crime é de um ano e três meses de prisão para cada animal morto. Sobre a reclamação da presidente da ONG, a Prefeitura de Ribeirão Preto diz que vai fazer mutirões para castrar animais e que pretende intensificar a fiscalização na área próxima ao bosque.        

veja também