MENU

Tempo seco reduz qualidade do ar nas estações de medição da Cetesb

Tempo seco reduz qualidade do ar nas estações de medição da Cetesb

Atualizado: Terça-feira, 24 Maio de 2011 as 8:14

A falta de chuva e o tempo seco fazem com que a poluição fique mais concentrara na atmosfera e cause mais mal para a saúde humana. Nesta terça-feira (24), desde cedo a Companhia Ambiental do Estado de São Paulo (Cetesb) registrava estações com qualidade do ar ruim.

Era o caso da estação de Cubatão Industrial. Em São José do Rio Preto, a qualidade do ar era inadequada. Já em Americana, Araçatuba, Araraquara, Bauru, Jundiaí, Piracicaba e Sorocaba a qualidade do ar estava regular.

Nas cidades de Campinas, Catanduva, Jaú, Marília, Paulínia, Presidente Prudente, Ribeirão Preto e São José dos Campos o ar era considerado bom nesta manhã.

Na região metropolitana, o ar estava ruim nas estações de Diadema, Santo André, e Parque Dom Pedro, na capital. No Ibirapuera, Pinheiros e em Osasco o ar estava inadequado. A qualidade do ar era considerada regular em Cerqueira César, Congonhas, Mooca, Nossa Senhora do Ó, Santana e Taboão da Serra. Apenas em Itaquera o ar era considerado bom.

Nas outras estações não citadas, não houve medição no início desta manhã.

Combustíveis

O diesel é o combustível que mais polui, pois tem enxofre na composição. Com a queima, o motor libera gases tóxicos que agridem o sistema respiratório humano.

Na maior parte do estado, é vendido o diesel com 500 a mil partes por milhão de enxofre. Quando mais do elemento, mais poluente é o combustível. Na Europa, ele já é proibido. No Brasil, existe um cronograma para que não seja mais fabricado, mas houve atraso.        

veja também