MENU

Temporal alaga partes de SP e espalha caos pela cidade

Temporal alaga partes de SP e espalha caos pela cidade

Atualizado: Domingo, 27 Fevereiro de 2011 as 7:12

A região da Subprefeitura de Pinheiros e Butantã, na zona oeste de São Paulo, deixou o estado de alerta às 17h10 deste domingo, segundo o CGE (Centro de Gerenciamento de Emergência), da prefeitura. A área havia entrado em alerta às 16h10, depois de o rio Pinheiros transbordar, próximo à Cidade Universitária, por causa da chuva que atinge a cidade na tarde de hoje. Veja fotos da chuva em São Paulo

Rio Pinheiros transborda e região entra em estado de alerta

Chuva deixa toda SP em estado de atenção neste domingo

Mulher ilhada é resgatada em trabalho de parto em SP

Circulação de trens na Lapa e na Água Funda é interrompida

Envie relato ou foto sobre a chuva na Grande SP Ricardo Guimarães/Leitor Estações da Lapa e da Barra Funda, na zona oeste de SP, ficaram alagadas com a forte chuva A zona leste saiu do estado de atenção às 17h35. Todas as demais áreas de São Paulo permanecem em estado de atenção, inclusive Pinheiros e Butantã. A escala usada pelo CGE passa por observação (condições normais), atenção (possibilidade de alagamentos), alerta (transbordamento de rios e córregos) e alerta máximo (estado de calamidade pública). A zona sudeste da cidade foi a última a entrar em atenção, às 15h35. Zona leste, zona norte e a marginal Tietê entraram em atenção às 14h05, de acordo com o CGE. Zona oeste e marginal Pinheiros entraram às 14h30, e a zona sul, às 14h48. Os bombeiros foram chamados para atender a várias ocorrências de alagamento, sobretudo na zona oeste. De acordo com os bombeiros, uma pessoa ilhada foi resgatada de um ônibus tipo lotação na avenida Pompeia, na zona oeste, e passa bem. O estacionamento e a portaria da Ceagesp (Companhia de Entrepostos e Armazéns Gerais de São Paulo), que fica na região oeste, ficaram inundados. Segundo funcionários do local, o estoque de frutas e verduras não foi atingido. Uma mulher ilhada entrou em trabalho de parto dentro de seu carro, na marginal Pinheiros, e teve que ser socorrida pela equipe do helicóptero Águia, da PM. Ainda segundo os bombeiros, o córrego que havia transbordado na avenida Marechal Tito, próximo ao número 5.000, no Itaim Paulista, zona leste, já voltou a seus níveis normais. O córrego fica próximo a uma favela. O aeroporto de Congonhas, na zona sul de São Paulo, está aberto para pousos e decolagens, mas opera com uso de instrumentos desde as 15h20, por causa da visibilidade ruim. A circulação de trens das linhas 7-rubi e 8-diamante da CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos) nas estações Lapa e Barra Funda foi interrompida após os trilhos ficarem submersos por causa da forte chuva que atinge a cidade de São Paulo na tarde deste domingo. A linha 7 parou de circular às 15h55 e a linha 8 às 15h05. A CPTM acionou o sistema Paese (Plano de Apoio entre Empresas em Situação de Emergência), com transporte gratuito feito por ônibus entre as duas estações. O Metrô informou que não há registro de estações fechadas por causa da chuva. No entanto, a velocidade dos trens foi reduzida nas estações abertas. Cidades da Grande São Paulo também sofreram com a chuva, de acordo com os bombeiros. As mais atingidas foram Osasco e Barueri --que ficam a oeste de São Paulo. Uma estação automática do CGE, instalada no Butantã, mostrou, em números ainda não consolidados, que em duas horas choveu, na região oeste, 84 milímetros --mais que um terço da média mensal de fevereiro, de 217 milímetros.   Giovanna Lima/Leitora     Ponto de alagamento do Cruzamento da avenida São João com a rua Ana Cintra, no centro de São Paulo ALAGAMENTOS Segundo o CGE, há 45 pontos de alagamento transitáveis e 11 pontos instransitáveis na cidade às 17h35. Veja abaixo: - avenida Corifeu de Azevedo Marques x avenida Vital Brasil (ambos os sentidos)

- avenida Ordem e Progresso x ponte do Limão (ambos os sentidos)

- avenida General Edgar Faco x ponte do Piqueri (ambos os sentidos)

- avenida Embaixador Macedo Soares x Ponte dos Remédios (ambos os sentidos)

- avenida Francisco Matarazzo x avenida Pompeia (ambos os sentidos)

- avenida Ricardo Cavatton x rua Hugo D'Antola (ambos os sentidos)

- túnel Jornalista Fernando Vieira de Melo x avenida Eusébio Matoso (ambos os sentidos)

- avenida das Nações Unidas x ponte Eusébio Matoso (sentido Interlagos-Castelo)

- parque do Anhangabaú x rua Dr. Falcão Filho (sentido Santana-aeroporto)

- rua São Paulo x rua Teixeira Leite (ambos os sentidos)

- avenida Professor Luiz Inácio Anhaia Mello x avenida Salim Farah Maluf (sentido Vila Prudente-Sapopemba)   Rodrigo Borges/Leitor   Avenida Corifeu de Azevedo Marques, na zona oeste de São Paulo, intransitável; água invadiu garagem de prédio

veja também