MENU

Tesouro norte-americano não venderá ações da GM antes de agosto

Tesouro norte-americano não venderá ações da GM antes de agosto

Atualizado: Quinta-feira, 12 Maio de 2011 as 4:37

NOVA YORK - O Tesouro dos Estados Unidos não pretende começar a vender o restante das ações que detém da General Motors pelo menos até agosto, após a divulgação dos resultados do segundo trimestre da montadora, afirmaram fontes familiares com o assunto.

O Tesouro, que possui 32 por cento da maior montadora dos EUA, irá postergar uma oferta secundária face ao recente desempenho dos papéis da empresa, e o momento para a operação não será antes de agosto, afirmaram as fontes.

O governo dos EUA também é contrário à ideia de vender uma porção de suas ações diretamente à GM, embora tal transação tenha sido sugerida como uma possível opção para ajudar a diluir sua participação excessiva na empresa, disseram as fontes.

O Tesouro também decidiu postergar a venda das ações da GM parcialmente por querer evitar o processo de envio de outro documento regulatório, que exigiria uma análise potencialmente longa da Securities and Exchange Commission (SEC) dos EUA, afirmaram as fontes.

"O momento de uma possível oferta está inteiramente nas mãos do Departamento do Tesouro. Nosso foco permanece no crescimento global lucrativo, reforçando nossos resultados e financiando nosso plano de pensão", afirmou o porta-voz da GM Jim Cain.

Embora o Tesouro mire os meses de agosto, setembro, novembro e dezembro para uma possível oferta secundária, ele não se comprometeu com nenhum momento específico, disseram as fontes.

veja também