MENU

"Tias Duronas": Filme mostra cruzada contra abuso sexual

"Tias Duronas": Filme mostra cruzada contra abuso sexual

Atualizado: Sexta-feira, 3 Abril de 2009 as 12

"Tias Duronas", recebeu o Grande Prêmio do júri de documentários no Sundance deste ano.

Diretora e operadora de câmera de seus filmes, Longinotto vai até Durban, na região nordeste da África do Sul, para mostrar a Operação Urso Bobbi, voltada para crianças que foram vítimas de abuso sexual -horror encarado de frente, mas com delicadeza, logo na abertura, quando uma menina conta o que lhe aconteceu para uma das tias da ONG.

Essas mulheres, brancas e negras, vivem uma intensa experiência de amor e ternura com as crianças que amparam. Já com os adultos que abusaram delas, com a polícia e com a Justiça, aí, sim, as tias são "duronas", em uma cruzada contra a "cultura do silêncio" em torno do abuso sexual no país.

A câmera de Longinotto obtém seu melhor desempenho quando se insere, discretamente, em reuniões e sessões de atendimento na sede, bem como em visitas a casas onde abusos foram denunciados. Sua busca é a de um olhar que não seja invasivo a ponto de desrespeitar os personagens. Não é uma empreitada simples, nessas circunstâncias, e talvez haja quem se incomode com eventuais avanços em momentos íntimos, como o da morte de um menino -episódio paralelo à atuação principal da ONG, mas de alto teor emocional, e que ajuda a entender um pouco melhor tanto o grau de politização das tias quanto a fragilidade da população pobre.

Clique aqui para assitir ao trailer.

veja também