MENU

Torcedor baleado antes de jogo tem alta em Presidente Prudente, SP

Torcedor baleado antes de jogo tem alta em Presidente Prudente, SP

Atualizado: Quarta-feira, 31 Agosto de 2011 as 8:25

Um dos torcedores feridos antes do jogo entre Palmeiras e Corinthians ocorrido no último domingo (28) em Presidente Prudente, no interior de São Paulo, teve alta do hospital nesta terça-feira (30). Ele prestou depoimento às polícias Militar e Civil, e disse que quem atirou nele foi um policial militar.

Depois da alta, Lucas Alves foi levado diretamente para o 18º batalhão da PM. Ele não quis gravar entrevista, mas afirmou veementemente que o autor dos disparos foi um policial militar.

“O armamento utilizado por policiais militares durante o jogo está sendo periciado, para que a gente possa fazer o confronto das munições, das cápsulas que foram encontradas no local, com os armamentos que os policiais utilizava”, afirmou o tenente da PM Tiago César.

Do batalhão, o rapaz foi levado em um carro da policia civil. Os detalhes do depoimento dado na delegacia não foram revelados.     O outro torcedor baleado continua na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Regional. “A chance dele sair dessa existe, o médico falou que não trabalha ciom números, ele trabalha com tempo”, disse a mãe dele, Lúcia Helena de Castro.

De acordo com a Polícia Militar, a confusão aconteceu por volta das 14h, quando os torcedores entravam no estádio para o clássico Palmeiras e Corinthians. Torcedores do Palmeiras tentaram invadir uma área reservada aos corintianos, gerando um tumulto.

A polícia interveio para controlar a situação, mas informou ter utilizado apenas balas de borracha e bombas de efeito moral. Os feridos, no entanto, foram feridos por disparos com arma de fogo.              

veja também