MENU

Transposição do São Francisco não será afetada por cortes

Transposição do São Francisco não será afetada por cortes

Atualizado: Quinta-feira, 3 Março de 2011 as 9:34

Para poupar as obras de transposição do rio São Francisco, o ministério da Integração Nacional congelou o empenho de toda as emendas parlamentares, que somam R$ 1,63 bilhão.

A pasta planeja economizar ainda R$ 183 milhões com a administração do próprio ministério e, assim, cumprir a meta de cortes do governo.

Congressistas do PMDB foram os mais afetados com os cortes. Tiveram 122 emendas que totalizam R$ 204 milhões congeladas. O programa com maior redução orçamentária foi o de apoio a projetos de desenvolvimento sustentável.

Ainda assim, não há garantia que o ministério vai cumprir o cronograma das obras de transposição que vão custar R$ 2 bilhões a mais do orçado inicialmente, totalizando R$ 7 bilhões.

Isso porque será preciso fazer licitação, prevista para abril, para construir estações de bombeamento das águas que seguirão pelos canais do Eixo Norte, ainda em construção. Para este ano, o ministério tem preservado R$ 1,1 bilhão para a transposição.

Se os planos do governo derem certo, a obra será concluída no final de 2013 ou no início de 2014, ano de eleição. Ontem, o ministro Fernando Bezerra Coelho falou no "Bom Dia Ministro" que a presente Dilma Rousseff recomendou "atenção e toda mobilização do ministério para que a obra seja entregue dentro das datas".

veja também