MENU

TRE-RJ mantém candidatura de Garotinho à Câmara Federal

TRE-RJ mantém candidatura de Garotinho à Câmara Federal

Atualizado: Quinta-feira, 29 Julho de 2010 as 11:18

Decisão, porém, é provisória e ex-governador terá que aguardar definição do TSE, que deve sair até o próximo dia 5 O TRE-RJ (Tribunal Regional Eleitoral) manteve por unanimidade o pedido de registro da candidatura de Anthony Garotinho (PR) a deputado federal pelo Rio de Janeiro. O deferimento, no entanto, é provisório.

Garotinho, segundo assessores, está neste momento em repouso por ordens médicas. A pressão arterial do candidato teria subido demais e ele precisou descansar. Mas, em seu blog, ele comemorou o anúncio. "Mesmo com a decisão do ministro do TSE, Marcelo Ribeiro que permitiu a minha candidatura, o Ministério Público Eleitoral do Rio, ignorou a decisão e pediu ao TRE que não autorizasse o registro de minha candidatura. O colegiado do TRE, no entanto, por unanimidade, volto a frisar, autorizou o registro. Mais uma vitória", escreveu.

Em maio, o TRE tornou Garotinho e sua mulher, Rosinha, ex-prefeita de Campos, inelegíveis por três anos, a contar de 2008, por abuso de poder econômico e uso indevido dos meios de comunicação. Após um mês, o TSE (Tribunal Superior Eleitoral) concedeu ao ex-governador, por meio de liminar, o direito de concorrer às eleições até o julgamento do mérito do recurso no próprio TSE.

Como a decisão do TRE desta quarta-feira diz que Garotinho concorrerá sub judice, a autorização definitiva da candidatura de Garotinho poderá ser anunciada pelo TSE até o próximo dia 5, quando deve ser julgado o mérito da ação.

No mesmo dia, às 16h, Garotinho pretende promover um comício na Cinelândia, no Centro do Rio de Janeiro. De acordo com o secretário-geral do PR, Adroaldo Peixoto, a expectativa é reunir mais de 20 mil pessoas.

Segundo Adroaldo, a candidata do PT à Presidência, Dilma Rousseff, teria confirmado presença no evento. Contudo, a assessoria da petista diz que até agora, oficialmente, a agenda da presidênciável só prevê para esta data o debate na TV Bandeirantes, em São Paulo, marcado para as 20h.

Com a decisão do TRE-RJ, integrantes do comitê de campanha do Garotinho correram para dissipar os rumores de que ele desistirá de concorrer a deputado federal para novamente tentar o governo do Rio no lugar de Fernando Peregrino, candidato do PR ao cargo. "A campanha do Garotinho já está nas ruas, tem cartazes, panfletos. Não há como voltar atrás", confirma Adroaldo Peixoto. "Sem contar que dezenas de candidatos a deputado estadual já rodaram material de campanha com a imagem de Garotinho e o número dele à Câmara dos Deputados", despista.

veja também