MENU

Três pessoas são indiciadas pelas mortes de dois travestis em Cuiabá

Três pessoas são indiciadas pelas mortes de dois travestis em Cuiabá

Atualizado: Quinta-feira, 1 Setembro de 2011 as 12:58

Três pessoas foram indiciadas esta semana pela morte de dois travestis em Cuiabá. De acordo com as informações repassadas pela Polícia Civil nesta quinta-feira (1º), os homicídios foram praticados pelos mesmos autores e as mortes dos homossexuais foram motivadas por dívidas de droga.  

A polícia informou que quatro dos sete suspeitos das mortes foram identificados pela Delegacia Especializada de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP), sendo que três deles estão presos e um adolescente de 17 anos de idade também foi apreendido e encaminhado à Delegacia Especializada do Adolescente (DEA).

Ainda segundo a Polícia Civil, pelo menos três dos suspeitos de envolvimento nos assassinatos são traficantes da região do bairro CPA, na capital.

As mortes

O primeiro assassinato aconteceu no dia 28 de maio, quando Alisson Otávio da Cruz, de 20 anos, foi encontrado morto. O corpo do rapaz foi encontrado no córrego Gumitá, na região da Morada da Serra, na capital. A mãe do travesti, Ângela Maria de Carvalho, disse na época do assassinato que o corpo do filho estava praticamente irreconhecível no Instituto Médico Legal (IML). “Quando vi meu filho, achei que ele tinha sido queimado. Mas não foi. Ele foi jogado no esgoto após ser puxado por um carro”, comentou a mãe.

A segunda morte aconteceu no dia 8 de junho. Maildo dos Santos, de 25 anos, foi encontrado na região que fica aos fundos da chamada Lagoa Encantada, em Cuiabá.              

veja também