MENU

Trio é preso suspeito de tentar vender R$ 1,2 milhão em remédios roubados

Trio é preso suspeito de tentar vender R$ 1,2 milhão em remédios roubados

Atualizado: Quarta-feira, 13 Janeiro de 2010 as 12

Três pessoas foram presas no fim da tarde de terça-feira, dia 12, em Barretos, a 423 quilômetros de São Paulo, por suspeita de tentar negociar uma carga roubada de remédios avaliada em R$ 1,2 milhão. Segundo a Secretaria da Segurança Pública, os medicamentos haviam sido roubados de um laboratório de Campinas, a 93 quilômetros da capital paulista.

De acordo com a secretaria, a quadrilha era monitorada por policiais da Delegacia de Investigações Gerais de Barretos. A equipe identificou um endereço onde seria efetuada e venda da carga e foi até o local.

Um homem de 27 anos foi encontrado rondando a área em um carro para verificar se o local estava vazio. Ele e outro suspeito, que estava no mesmo veículo, conseguiu fugir. Um terceiro homem e duas mulheres foram presos com outros três veículos – entre eles um furgão, que guardava os medicamentos.

De acordo com a polícia, a carga seria vendida pela metade do valor, R$ 600 mil. Os medicamentos que estavam no furgão foram apreendidos, assim como os três veículos. Os presos foram indiciados por formação de quadrilha e receptação.

veja também