MENU

Trio suspeito de furtar casas tinha ajuda de informantes, diz polícia

Trio suspeito de furtar casas tinha ajuda de informantes, diz polícia

Atualizado: Quarta-feira, 20 Abril de 2011 as 8:16

A polícia acredita que o trio preso na terça-feira (19) suspeito de invadir e furtar casas no Jabaquara, na Zona Sul de São Paulo, contava com a ajuda de informantes. Com os três homens os policiais apreenderam cerca de R$ 12 mil em dinheiro e dólares e ferramentas que eram usadas para abrir os portões das residências.

Segundo a polícia, os criminosos esperavam os moradores saírem de suas casas para invadir e furtar. “Eles entram na residência e um fica no lado de fora, que é para possivelmente fazer a segurança. Então, eles subtraem televisores, som, tudo o que for muito fácil de carregar e fácil de vender”, disse o soldado da Polícia Militar Felipe Alves.

  “Eles não agiam sozinhos, nós já temos essa informação. Tem outras duas pessoas que fazem parte da mesma quadrilha e o nosso pessoal está no encalço delas”, disse o delegado Genésio Leo Junior.

Os suspeitos estavam em um carro prata quando foram abordados por PMs. O veículo chamou a atenção porque é o mesmo que foi utilizado no roubo à casa do sobrinho do deputado Arnaldo Faria de Sá, que fica próxima ao local onde os suspeitos foram detidos, de acordo com o tenente Victor Oliveira Guerra.

Depois da primeira denúncia, o sobrinho do deputado entrou em contato com a sala de comunicação da Polícia Militar para informar que havia visto o mesmo veículo na região e que tinha imagens das câmeras de segurança capazes de comprovar que eram os mesmos assaltantes.

No 35º Distrito Policial, no Jabaquara, os policiais viram as imagens e fizeram o reconhecimento do trio como autor do assalto à casa do sobrinho do deputado. Além disso, verificaram que o carro usado pelos suspeitos era clonado. Os três vão responder por receptação, roubo e formação de quadrilha.      

veja também