MENU

Tropas buscarão desaparecidos em cidades isoladas pela chuva no PR

Tropas buscarão desaparecidos em cidades isoladas pela chuva no PR

Atualizado: Domingo, 13 Março de 2011 as 10:33

Equipes do Corpo de Bombeiros, Polícia Militar e Defesa Civil do Paraná farão buscas neste domingo (13) em cidades que ficaram isoladas pelas chuvas para verificar se há mais vítimas da tragédia. Duas cidades estão em estado de emergência e duas mortes foram confirmadas pela Defesa Civil do Estado.

“Estamos montando o planejamento de ações que serão realizadas pela força-tarefa conjunta e iremos voltar às localidades para ver se não há desaparecidos ou se pessoas ficaram para trás”, disse ao G1 o major Paulo Souza, que está chefiando as buscas.

Entre as cidades atingidas estão Antonina, Morretes, Paranaguá, Guaratuba e Guaraqueçaba. Há a possibilidade de desaparecidos na região de Floresta e Serra da Prata, segundo o oficial.

Ao todo, conforme a Defesa Civil, são 27.090 pessoas afetadas, 6.588 residências danificadas, 706 moradores desabrigados - que estão em abrigos públicos - e 8.090 pessoas desalojadas - em casas de amigos e parentes - nos municípios do litoral paranaense atingidos.“Teremos neste domingo uma reunião com os representantes do estado e dos municípios para que todos saibam o que fazer.  Há rodovias estaduais e federais interditadas que devem ser recuperadas com urgência para que possamos chegar a todas as cidades”, disse o major.

Entre os objetivos da força-tarefa conjunta está o resgate e remoção de feridos, idosos ou grávidas que precisam ser deslocados para hospitais através de helicóptero. A BR-376, que liga o Paraná a Santa Catarina, está parcialmente bloqueada devido a queda de três pontes. O tráfego também está bloqueado nos dois sentidos da BR-277, que liga Curitiba ao litoral do Paraná.

Preocupação com saques O oficial de comunicações do 8º Grupo de Bombeiros da região, tenente Tadeu Nunes Filho, informou que a Polícia Militar irá reforçar a segurança nas cidades invadidas pela água para evitar saques.

“O comando da PM determinou o envio de tropas de Curitiba e que estavam participando da Operação Verão no litoral para apoiar as cidades atingidas pela chuva”, disse o tenente.

Outro objetivo também é levar alimentação e utensílios básicos, como colchões e roupas, aos desabrigados.

Cidades isoladas e falta de energia

Morretes é a cidade mais atingida, com 15 mil pessoas afetadas pelas chuvas. Há informação sobre um desaparecido em Antonina e eoutro em Guaratuba, segundo a Defesa Civil do Estado.

A Companhia Paranaense de Energia (Copel) informou que a energia elétrica foi reestabelecida na maioria das 11 mil casas das regiões atingidas pelas chuvas, às 17h deste sábado (12). De acordo com a Copel, 1.632 residências continuavam sem luz em Guaraqueçaba, Morretes, Antonina e Paranaguá (PR) até o final da noite deste sábado.  

veja também