MENU

Venda de peixe aumenta 40% durante a Quaresma no interior do Paraná

Venda de peixe aumenta 40% durante a Quaresma no interior do Paraná

Atualizado: Sexta-feira, 18 Março de 2011 as 9:07

Durante a Quaresma, período de 40 dias entre o carnaval e a Páscoa, a venda de peixes em Londrina, no Norte do Paraná, aumenta 40%. Isso porque, para os católicos, neste período, o consumo de carne vermelha é proibido.

Na região, na cidade de Rolândia, está a maior fazenda produtora de alevinos do Brasil. Por mês são dois milhões de peixes, que são vendidos em diversas regiões do país. Os peixes são criados em 33 tanques.

A Tilápia é a espécie mais cultivada e por consequencia a mais consumida. Segundo o agrônomo Luis Schloegel, a Tilápia é produzida em larga escala porque se adapta a tanques escavados e tanques de rede e ainda atinge a fase de abate rapidamente.

Passado o período da Quaresma há psicultores que pretendem expandir o negócio com a fabricação de linguiça de Tilápia, hambúrguer, nuggets e outras variedades alimentícias que são produzidas, tradicionalmente, com carne vermelha.      

veja também