MENU

Vereador de Jaguaretama não resiste a tiros e morre em Fortaleza

Vereador de Jaguaretama não resiste a tiros e morre em Fortaleza

Atualizado: Terça-feira, 20 Setembro de 2011 as 8:41

O vereador de Jaguaretama, Marcos Rogério Machado de Lima (PRB), morreu por volta de zero hora desta terça-feira (20), segundo informações do hospital Instituto Dr. José Frota (IJF), em Fortaleza. Segundo o Comando da Polícia Militar do Interior (CPI), ele e o vereador José Antônio (PMDB) foram atingidos por vários tiros por volta de 13h30 na saída da Câmara dos Vereadores de Jaguaretama, a 284 km da capital cearense.   Machado de Lima estava internado desde a tarde de segunda-feira (19) em estado gravíssimo no setor de Risco I do hospital. O prefeito Afonso Cunha, que acompanhou os vereadores baleados até o hospital, chegou a declarar que Machado de Lima tinha “tiros por todos os lados”. “Foi tiro na cabeça, no tórax, na perna”, disse.

O vereador que estava próximo a Machado de Lima, José Antônio (PMDB), também foi ferido, mas seu estado de saúde não é grave, segundo informações de familiares. Ele foi atingido no peito, próximo ao braço direito e encaminhado ao IJF. No hospital, passou por uma cirurgia e passa bem.

A Delegacia Regional da Região do Jaguaribe informou que já há pistas sobre os suspeitos de praticarem os disparos, buscas estão sendo realizadas desde segunda-feira. O prefeito Afonso Cunha informou também que na Câmara da cidade deveria haver seguranças, e que vai articular com os parlamentares usar a Guarda Municipal para fazer vigilância nas sedes da Câmara e da Prefeitura de Jaguaretama.

Motivação do crime

A polícia ainda não tem pistas sobre o motivo dos disparos contra os vereadores. “Motivo político não foi. Ele (Marcos Rogério) não tem intriga política com ninguém”, diz Afonso. Os dois vereadores atingidos são da base aliada do prefeito de Jaguaretama.

veja também