MENU

Vistoria preliminar condena 325 árvores no Parque Municipal de BH

Vistoria preliminar condena 325 árvores no Parque Municipal de BH

Atualizado: Sexta-feira, 4 Fevereiro de 2011 as 1:16

A primeira etapa de vistorias no Parque Municipal Américo Renné Giannetti, no Centro de Belo Horizonte, mostrou que das 3.562 árvores, 325 estão comprometidas e vão ser derrubadas. Este número equivale a 9% do total. O relatório foi passado pelo secretario Municipal de Meio Ambiente, Nívio Tadeu Lasmar, nesta sexta-feira (4).  

Ainda segundo o relatório, 544 árvores precisam ser podadas, 147 vão passar por avaliação posterior e 2.546 não precisam de intervenção.

A PBH fechou o Parque Municipal no dia 14 de janeiro. A decisão foi tomada após um jatobá, com cerca de 30 metros, cair e matar uma mulher dois dias antes. Além de fechar o local, a força-tarefa foi criada com o objetivo de avaliar todas as árvores do Parque.

Na próxima semana, vai ser divulgado um relatório com a análise final sobre a situação das árvores. Segundo o secretário Municipal de Meio Ambiente, ainda não há um previsão para a reabertura do parque.

Ainda de acordo com o secretário, após a entrega do relatório final, outros parques da capital mineira podem passar pela mesma força-tarefa.    

veja também