MENU

BlackBerry 6 chega multitoque e menos sério

BlackBerry 6 chega multitoque e menos sério

Atualizado: Terça-feira, 27 Abril de 2010 as 12

O novo sistema operacional BlackBerry 6.0, da Research in Motion, acaba de ser visto em público pela primeira vez na apresentação da companhia no WES 2010, em Orlando, nos Estados Unidos.

Transmitida pela web, a apresentação foi conduzida pelo CEO da RIM, Mike Lazardis, e mostrou uma das maiores mudanças de interface do SO desde seu surgimento, integrando reformulações em suas áreas de reprodução de mídias (novos e modernos players com integração via YouTube), de comandos (multitoque) e de customização (telas com ícones configuráveis).

O BlackBerry 6.0 deve chegar ao mercado a partir do segundo semestre deste ano, mas pouco se sabe sobre quais serão os primeiros modelos a receber o novo SO. A única certeza é que há uma preocupação da empresa em criar uma boa ferramenta para telas sensíveis ao toque, deixando um pouco de lado a imagem de sistema voltado quase que exclusivamente ao mundo corporativo.

Agora, os modelos touchscreen da marca terão suporte aos chamados comandos “pop-up”, o que deve evitar a necessidade de pressionar o menu de tarefas todo o tempo. Ao enviar uma mensagem de e-mail, por exemplo, o usuário pode clicar, segurar e arrastar para realizar a tarefa de um modo mais cômodo, segundo a RIM.

Na versão 6.0, os usuários também poderão editar suas telas iniciais do modo que preferirem, com um aspecto organizacional bem similar ao do Android, repleto de ícones agrupados no centro. Estão ali atalhos para contatos, câmera, calendário, mídia, aplicativos, mapas e mensagens, entre muitas outras opções customizáveis.

O navegador do BlackBerry também ganhou melhorias na nova versão, conseguindo, entre outras coisas, ser redimensionado pelos comandos multitoque e a possibilidade de navegação por abas que remete ao iPhone.

Sua maior novidade, no entanto, é a presença do WebKitBrowser, que promete uma navegação e zoom mais rápidos, além de melhor eficiência ao rodar widgets e total suporte a HTML 5.

Uma das poucas áreas intactas visualmente é a de mensagens, que, de acordo com a RIM, é muito bem resolvida nos BlackBerrys e mereceu apenas algumas adições como ícones (ou thumbnails, melhor dizendo) maiores e feeds de RSS integrados.

Analistas esperam que as melhoras permitam que a RIM possa fazer frente ao iPhone da Apple, ao Droid da Motorola e a uma leva de novos smartphones que têm abocanhado parte da fatia de mercado da RIM.

Por: Guilherme Pavarin

veja também