Câmeras ganham conexão sem fio e publicam fotos em rede sociais

Câmeras ganham conexão sem fio e viram 'sociais'

Fonte: Atualizado: sábado, 31 de maio de 2014 09:17

As câmeras fotográficas estão cada vez menores, mas trazem qualidade de imagens e recursos superiores a cada ano. Na Consumer Electronic Show (CES), em Las Vegas, maior feira de tecnologia do mundo, elas apresentaram conexão Wi-Fi com o computador, dispensando o uso de fios para passar as fotos para a máquina.
E, para atender os consumidores que gostam de aventuras, ficaram mais resistentes. Alguns modelos exibidos permitem até mergulhar na piscina ou no mar sem danificar a máquina. Outros ganharam GPS.
Adeus, 'cabinho'
No estande da Samsung na CES, uma câmera se destacava por ser compacta, ter 14,2 megapixels e se conectar ao PC por meio de uma conexão Wi-Fi. O sistema funciona de modo similar ao existente em notebooks e tablets: é necessário que a máquina fotográfica se conecte em uma rede sem fio. Esta rede pode ser tanto doméstica quanto pública.

A partir daí, o usuário pode transferir as fotos tiradas com a câmera para todos os computadores da casa ao mesmo tempo sem a necessidade de usar cabos.
Mas o uso do Wi-Fi nas câmeras vai além da simples transferência de arquivos. Com o aparelho conectado, o usuário pode publicar as imagens direto nas redes sociais, em sites de armazenamento e ou enviá-las por e-mail para familiares e amigos.

Outra novidade é que, caso o usuário utilize algum serviço de armazenamento na nuvem, as imagens poder ser enviadas para ele e, desse modo, serem acessadas por qualquer dispositivo como celulares e tablets.


Vídeo
Filmadoras também ganharam compatibilidade com o Wi-Fi. A função é bastante similar à vista nas câmeras, com o acréscimo de poder publicar os vídeos direto no YouTube onde o usuário estiver. A Everio, da JVC, filma em alta definição e compartilha os vídeos entre computadores e redes sociais. É possível, por exemplo, assistir ao filme gravado em uma televisão inteligente sem a necessidade de usar fios.

Faltam, contudo, câmeras e filmadoras com conexão 3G. Utilizando a web pela rede de celulares, o usuário poderia, efetivamente, publicar as imagens em qualquer lugar com sinal, sem depender de rede Wi-FI. Provavelmente, este é um dos motivos pelos quais muitos usuários ainda preferem usar smartphones para fotografar e compartilhar suas imagens rapidamente.

Lentes 3D
A onda das imagens 3D ainda não se tornou muito popular, mas as empresas colocam no mercado diversas câmeras que permitem criar imagens tridimensionais.
A Panasonic mostrou na CES 2012 a versão 3D de suas máquinas Lumix, a DMC-3D1, que já está no mercado norte-americano por US$ 500. Ela permite fotografar imagens tridimensionais e possui uma lente de aumento de até 4x. A qualidade das fotos, de 12,1 megapixels, melhorou em comparação às primeiras câmeras e até a profundidade das imagens está maior.
Para quem deseja uma câmera mais profissional, já que a DMC-3D1 não oferece tantos recursos para este público, o modelo GF3 possui lentes 3D. A vantagem é que elas podem ser trocadas tanto por lentes comuns, sem o recurso tridimensional, quanto por lentes de maior alcance.

As filmadoras também já podem gravar filmes em três dimensões, proporcionados por lentes duplas. O consumidor, hoje, pode comprar um aparelho preparado para o 3D e usar estas lentes para gerar as imagens, como é o caso da câmera V700M, da Panasonic.
O único problema é que a tecnologia ainda exige ter um televisor ou um PC com tela 3D para visualizar as imagens -- além de  óculos especiais para todas as pessoas que desejam ver as fotografias e os filmes.


Para aventureiros
Quem gosta de viajar bastante, ir para a praia ou para o campo e não se preocupar se a câmera irá estragar, a tecnologia já fez com que estes aparelhos resistam à água, à areia e a quedas.
A série XP da Fujufilm tem máquinas à prova de água, de areia, neve e contra quedas. O modelo XP100, que foi apresentado na CES, pode mergulhar até 10 metros de profundidade, cair de 2 metros de altura e aguentar temperaturas de até -10ºC, segundo a empresa. Ele possui ainda 12.1 megapixels de resolução e zoom de até 4x.
Outro destaque que a câmera possui, assim como modelos de outras empresas, é o GPS. Assim, o usuário pode, por meio de programas especiais, organizar suas fotos automaticamente pelos lugares em que ele fotografou. O recurso também ajuda a criar álbum de fotos no Facebook, por exemplo, uma vez que o lugar em que a foto foi feita aparecerá nos detalhes da imagem.

 

Siga-nos

Mais do Guiame

O Guiame utiliza cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência acordo com a nossa Politica de privacidade e, ao continuar navegando você concorda com essas condições