MENU

Como aumentar o número de seguidores no twitter... E se dar mal

Como aumentar o número de seguidores no twitter... E se dar mal

Atualizado: Segunda-feira, 14 Dezembro de 2009 as 12

Sugiram vários serviços no Twitter que prometem ''explodir'' o número de seguidores em poucas horas ou dias. Os usuários incautos que acreditam e aderem a estes serviços, podem ter prejuízos irreparáveis, até a suspensão definitiva da conta.

Recebo um número cada vez maior no meu Twitter de muitos Updates com os mesmos textos padronizados enviados por robôs:

''Get 100 followers a day using http://www.tweeterfollow.com''

''Get 100 followers a day using www.tweeterfollow.com Once you add everyone you are on the train or pay vip :)''

''Get HUNDREDS of new followers - FREE - http://twittertrain.info''

Curiosamente tais Updates são enviados por Usuários idôneos que de boa fé cedem seu nome de Login e senha a estes serviços fraudulentos.

Como funciona o esquema?

Quase todos os serviços de multiplicação do número de seguidores são gratuitos. Mas, o pagamento deles é feito da maneira mais lesiva aos usuários. Estes sites passam a enviar centenas de mensagens padronizadas em nome do usuário cadastrado. As consequências deste tipo de ação são óbvias:

há muito mais possibilidades do perfil afiliado perder seguidores do que ganhar, pois muitos usuários incomodados com o excesso de mensagens automáticas vão disparar indiscriminadamente Unfollows e Blocks; pelo fato de enviar inúmeras vezes os mesmos Updates, o usuário corre o risco de ter a sua conta suspensa por prática Spammer, mesmo que ele não tenha sido o autor original. Por que tanta gente está aderindo aos esquemas que prometem aumentar seguidores?

Eis algumas promessas enganosas divulgadas nas propagandas nos Sites Spammers:

''Discover how to get 20,000 followers in the next 90 days or your Money back.''

''The Easiest Twitter System that will start adding Thousands of Followers in only 5 minutes with a few clicks of your mouse!''

''Get more exposure for your tweets.''

''10,000 followers in 21 days!''

''Free Twittering Following Software Virally Explodes Your Followers In Just Days''

Veja o exemplo de alguns Sites spammers que oferecem serviços de amplificação do número de seguidores:

http://viralfollowers.com/

http://tweetergetter.com/

http://www.twitteronlinesystem.com/

http://www.twittertrafficmachine.com/

http://www.turbocashgenerator.com

http://twitteringfortraffic.com/

http://twittertrain.info/

http://www.tweeteradder.com/

http://www.followtweet.com

http://www.tweeterfollow.com/

http://retweet4.me/

http://www.twitterblaster.com/

http://twittermass.com/

http://needfollowers.com/

http://www.twitterfollower.com/

http://www.tweetelitepro.com/

http://tweeterbus.com/

http://lop.net/

http://ifollowers.com/

http://mytweetfollowers.com/

http://thetweettank.com/

http://www.autotweeting.com/

http://followersfree.com/

http://addfollowers.net/

http://vipfollowers.com/

http://morefollowers.info/

http://followersnow.com/

http://www.youradder.com/

http://TwitTrain.info/

http://quickfollowers.com/

http://www.iwantfollowers.com/

Faça um teste: procure no sistema de busca do Twitter as seguintes palavras-chave ?increase followers? e ?get 100 followers a day?.

Você vai se deparar com milhares de Updates de usuários incautos que cederam as suas contas em troca do aumento mágico do número de seguidores.

O que fazer para estancar o processo e evitar a punição?

Troque imediatamente a senha e apague todos os Updates emitidos armazenados na aba ?Profile? e rastrear a pasta de Mensagens Diretas para apagar qualquer mensagem suspeita que tenha sido enviada. Jamais dê a sua senha para nenhum outro serviço, a não ser os recomendados pelo Twitter na sua página de Downloads. Eu me dei ao trabalho de conferir os Sites acima relacionados e descobri que todos eles pertencem a uns poucos donos. Alguns destes serviços possuem, eles mesmos, perfis Spammers, o que comprova a sua má fé. Quando um Seguidor ligado a um destes Serviços aderir ao seu perfil, bloqueie imediatamente.

Por Isaías Malta

veja também