MENU

Controle de videogame faz a diferença para jogos no Xperia Play

Controle de videogame faz a diferença para jogos no Xperia Play

Atualizado: Quarta-feira, 24 Agosto de 2011 as 2:58

Para quem é gamer, jogar títulos tradicionais de corrida ou de luta, por exemplo,em celulares com tela sensível ao toque por vezes não proporciona uma experiência boa. Atender esse público "hardcore", que gosta de jogar e entende tudo de games, parece ser o foco do celular Xperia Play, da Sony Ericsson, conhecido como "celular PlayStation" justamente por trazer jogos dos consoles da marca e, principalmente, por apresentar um joystick similar ao do portátil PSP, também da Sony.

O celular é vendido no Brasil por R$ 1,9 mil e é fabricado no país. O aparelho apresenta tela sensível ao toque de 4 polegadas, roda o sistema operacional Android 2.3 (Gingerbread) e tem processador Snapdragon de 1 GHz que trabalha em conjunto com um chip de vídeo Adreno 205 para trazer gráficos próximos dos vistos no portátil PSP, da Sony, para o aparelho.

Xperia Play tem aba com controles de videogame

(Foto: Divulgação)

  Com a aba fechada, o aparelho é um celular tradicional que roda o sistema Android utilizando uma tela sensível ao toque. Entretanto, ao deslizar a aba e revelar o controle sensível ao toque, o Xperia Play se torna um videogame portátil. Ele possui os botões de ação para games como os vistos nos consoles da Sony como o X, Quadrado, Círculo e Triângulo, além dos botões de ombro L e R, e direcional digital. Dois sensores fazem o papel das alavancas analógicas do aparelho.

Para quem gosta de jogar games, ter o controle físico auxilia no aumento da precisão. É raro ocorrer erros acidentais ao se pressionar o botão errado – algo comum ao se controlar jogos pela tela sensível ao toque em games que apresentam um joystick virtual, por exemplo. Entretanto, quem não gosta de jogar games, o fato de ter controles ou não acaba por não fazer diferença. Há outros modelos de celular com o mesmo sistema operacional que são mais baratos.        

veja também