MENU

Corinthians e Fla podem ter ingresso digital

Corinthians e Fla podem ter ingresso digital

Atualizado: Quinta-feira, 21 Outubro de 2010 as 11:24

A Ingresso Fácil, empresa que atua no segmento de confecção e distribuição de ingressos, anunciou um novo serviço para compra de ingressos, inicialmente para torcedores do Corinthians e do Flamengo.

O Cartão IF, como foi chamado, será disponibilizado gratuitamente para quem comprar ingressos desses times a partir de hoje para jogos no Pacaembu e Engenhão, e fizer o cadastro na própria bilheteria. No estádio paulista apenas o setor laranja estará disponível, com 6 mil lugares, e no estádio carioca haverá 9600 lugares.  

Desta forma, para os próximos jogos o torcedor precisará apenas carregar seu cartão em uma lotérica e assim ter seu ingresso garantido, sem a necessidade de se locomover até a bilheteria mais próxima. E para entrar no estádio, bastará levar o comprovante de pagamento, o seu cartão carregado e encostá-lo na catraca de entrada.

Em todo Brasil haverá 11 mil pontos de venda em lotéricas, além do canal de vendas pelo site e Call Center. A novidade está na diminuição do valor da taxa de conveniência para quem comprar por estes canais. Será cobrada apenas uma taxa de R$ 3. Porém, a compra pelo cartão está limitada a um ingresso inteiro por jogo.

De acordo com Bruno Balsimelli, diretor executivo da Ingresso Fácil, a ideia da empresa é iniciar os testes com jogos de futebol, mas a tendência é que seja ampliado para todos os shows e eventos comercializados pela empresa.

“Este tipo de tecnologia muito provavelmente será adotada por todo o mercado de ingressos, por questões de comodidade e segurança. Não podemos dar muitos detalhes agora, mas a ideia é que esse tipo de comercialização seja utilizada para a Copa de 2014 também”, revela Balsimelli.

O executivo informou que em breve o serviço será estendido ao estado da Bahia, para jogos do Bahia e Vitória. E em janeiro de 2011 a tecnologia será utilizada para todos os jogos e estádios brasileiros. Balsimelli explica também que a empresa está preparada para a demanda e que já tem disponível 1,5 milhão de cartões para distribuir entre os usuários.    

veja também