MENU

Em um futuro próximo, nomes de usuário serão meio para identificar pessoas

Em um futuro próximo, nomes de usuário serão meio para identificar pessoas

Atualizado: Terça-feira, 8 Fevereiro de 2011 as 11:27

Por mais simples que possa parecer escolher um nome de usuário, um grupo de pesquisadores de segurança do Instituto Nacional de Pesquisa em Computação e Automação, da França, afirma que, em um futuro próximo, criminosos serão capazes de descobrir a identidade de pessoas apenas de posse de seus nomes de usuário nos diversos serviços da internet.

De acordo com os pesquisadores, isso será possível apenas com a observação dos caracteres utilizados no alias criado. De acordo com o site New Scientist, isso poderia gerar ataques ainda mais especializados. Cruzando dados do eBay com o Google, por exemplo, criminosos poderiam atacar de forma bastante específicas os usuários, de acordo com seu hábito na rede.

A equipe analisou quase 10 milhões de nomes de usuários do eBay, Google e MySpace e aplicou ferramentas estatísticas para estudar o quão único é um nome de usuário. Como era esperado, os resultados indicaram que os aliases criados por uma mesma pessoa tendem a ser muito parecidos.

Cruzando os dados e analisando-os quanto a seu texto, as diferenças e as chances da pessoa escolher um determinado conjunto de nomes, os pesquisadores conseguiram associar de forma correta múltiplos nomes de usuário e um único indivíduo. De acordo com um dos pesquisadores, a ferramenta é capaz de ligar corretamente os user names a seus donos em 50% das vezes, ainda que esta porcentagem não queira dizer muita coisa, estatisticamente.

O sistema apresenta mais falhas para pessoas que criam nomes de usuário bem diferentes, deliberadamente. Entretanto, de acordo com a equipe, esta não parece ser uma atividade muito comum entre os usuários da internet.

De qualquer forma, os pesquisadores acreditam que técnicas deste tipo poderiam ser utilizadas – e, por que não, melhoradas – por criminosos digitais para roubo de informações, identidade e valores.

Mais informações estão disponíveis no artigo da equipe, que pode ser acessado em PDF pelo link goo.gl/HIAq1.    

veja também