MENU

Empresas de jogos sociais tomarão o centro em feira de games japonesa

Empresas de jogos sociais tomarão o centro em feira de games japonesa

Atualizado: Segunda-feira, 12 Setembro de 2011 as 1:59

Em um mundo que vive a expansão do uso de smartphones e de tablets, as empresas criadoras de jogos sociais tomarão o centro das atenções durante a Tokyo Game Show, que ocorre nesta semana, no Japão. Enquanto isso, a Nintendo, criticada por ser muito centrada em seu hardware, luta para reconquistar seus fãs.

As empresas japonesas Gree e DeNA devem se beneficiar do crescimento do mercado de games sociais. A Gree aparece pela primeira vez na feira de games japonesa, que ocorre do dia 15 ao dia 18.

A Nintendo, que não faz parte da Tokyo Game Show, realizará um evento próprio na próxima terça-feira (13).

Nintendo 3DS (Foto: Divulgação/Nintendo)

  A expectativa é de que a empresa mostre um novo jogo com o personagem Mario para o seu Nintendo 3DS. O mercado também esperava um joystick para o console, mas os rumores foram descartados por analistas e blogueiros.

As produtoras de videogames japonesas estão redirecionando seus recursos para a criação de games sociais, mas a Nintendo está excluída do processo, já que qualquer tentativa em desenvolver conteúdo para aparelhos de outras companhias poderá colocar em risco as fracas vendas do Wii e do 3DS.

Jogadores casuais

Muitos dos jogadores casuais de videogame estão migrando para aparelhos como o iPhone ou o iPad, da Apple, tomando parte do mercado da Nintendo. Enquanto isso, Facebook e Google também fazem altos investimentos nos games.

"A Nintendo precisa ser mais sociais e digital e irá se debater para fazer isso, já que não desiste da sua estratégia de combinação de hardware e software", segundo David Gibson, chefe do departamento de pesquisas do Macquarie Capital Securities.        

veja também