MENU

Estudo relaciona hormônio que reduz ansiedade a redes sociais

Estudo relaciona hormônio que reduz ansiedade a redes sociais

Atualizado: Segunda-feira, 28 Junho de 2010 as 9:42

Publicar um simples tuíte pode aumentar os níveis de oxitocina --hormônio que diminiu níveis de ansiedade e estimula sentimentos de confiança e segurança-- no corpo do usuário. As informações são do blog de tecnologiaMashable .

O blog fala dos relatos de Adam Penenberg, colaborador da revista "Fast Company", que se voluntariou para participar de um estudo de neuroeconomia.

Penenberg detalhou três experimentos para determinar a relação do hormônio com as redes sociais. Em um dos testes, os níveis de sangue dele foram monitorados enquanto ele postava um tuíte por meio do TweetDeck, explica o Mashable.

"Nos dez minutos entre as amostras de sangue, os meus níveis de oxitocina aumentaram 13,2%", disse Penenberg, segundo o blog. Os hormônios relacionados ao stress também diminuíram bastante no período observado.

A pesquisa ainda não é conclusiva, já que o relato foi de apenas uma pessoa, destaca o Mashable.

Postado por: Cristiano Bitencourt

veja também