MENU

Facebook começa a remunerar usuários que clicam em anúncios

Facebook começa a remunerar usuários que clicam em anúncios

Atualizado: Segunda-feira, 9 Maio de 2011 as 1:30

Desde a última quinta-feira (6/05) o Facebook vem oferecendo incentivos para que os usuários assistam alguns dos anúncios veiculados na rede social. Embora não remunere em dinheiro, o site se propõe a dar créditos aos que visualizarem as propagandas.

Os créditos poderão ser usados em outro serviço do portal, o Facebook Deals. Este funciona à semelhança dos já conhecidos serviços de compras coletivas – como o Groupon ou o Peixe Urbano – com a diferença de que internauta pode fazer sua compra a partir da própria rede social. Também poderão ser utilizados na aquisição de itens virtuais, oferecidos por aplicativos de terceiros.

Em média, a cada anúncio selecionado o usuário receberá o equivalente a 10 centavos de dólar. A princípio, as peças aparecerão em meio aos games sociais da Zynga – conhecida pelo FarmVille e Mafia Wars – da Digital Chocolate e da CrowdStar. A intenção, no entanto, é expandir sua abrangência, sem, no entanto, deixar a criatividade de lado – elas não serão iguais as exibidas na televisão, mas interativas e, supostamente, divertidas.

A iniciativa surge depois da constatação de que os anúncios – usualmente exibidos na extremidade direita da página – estavam recebendo cada vez menos cliques dos usuários. A queda do índice foi notória entre 2009 e 2010 e, desde então, a empresa de Mark Zuckerberg vem criando alternativas para reverter o quadro.

Por mais que os Facebook Credits estejam disponíveis para brasileiros, o mesmo não ocorre com o Deals – que, por enquanto, só dispõe de ofertas para poucas cidades norte americanas. Portanto, mesmo que algum internauta do País receba a compensação por assistir à propaganda, só poderá usá-la na compra de artigos virtuais.        

veja também