MENU

Gartner realiza pela 1ª vez no Brasil sua Conferência de Data Center

Gartner realiza pela 1ª vez no Brasil sua Conferência de Data Center

Atualizado: Quarta-feira, 30 Março de 2011 as 2:58

O Gartner promove pela primeira vez no País a Conferência de Data Center, realizada nos dias 5 e 6 de abril, na qual os debates serão sobre as principais tendências da área: projetos mais inteligentes, pressão por eficiência energética (Green IT ou TI Verde), realidade dos ambientes de alta densidade e potencial da computação em nuvem.

Estes são os fatores que poderão diminuir a demanda por capacidade nos Data Centers até o fim da década e nos próximos cinco anos trarão impacto de maior relevância.

O Gartner prevê que até 2018 esta demanda corresponderá a apenas 40% da quantidade registrada atualmente. O foco destes Data Centers será sobretudo em serviços relacionados ao core business das empresas. Além disso, passarão por uma relação inversamente proporcional, ou seja, à medida que estes serviços demandarem mais recursos de TI, o tamanho de servidores e storages será cada vez mais reduzido.

“Os métodos tradicionais para concepções de projetos de Data Centers deixarão de ser funcionais, a não ser que se busque a compreensão das forças externas que impactarão nos custos, na longevidade e no tamanho destes ambientes”, explica o vice-presidente administrativo e diretor de pesquisa da empresa para infraestrutura, David Cappuccio.

O analista estará presente no evento e ministrará a palestra-chave do primeiro dia da Conferência, Infraestrutura e Operações: As 10 principais tendências a serem observadas. Esta apresentação apontará quais são as principais tendências sociais, de hardware e software que impactarão no ambiente de cloud computing, além de elaborar um planejamento para os próximos cinco anos.

Os analistas desta companhia de pesquisas recomendam que os responsáveis pela gestão de Data Center foquem em projetos mais inteligentes, levando em consideração que estes ambientes têm demandas variadas, de acordo com tempo de uso, de capacidade, entre outras.

Os gestores de Data Center também não podem perder de vista a questão da TI verde, pois a questão da eficiência energética é deixada de lado até que enfrentem pressão por parte de profissionais de alta gestão dentro das empresas ou do público externo.

  Os responsáveis por estes ambientes precisam conquistar a densidade computacional, que em grande parte é subutilizada. A implantação da nuvem privada e a alocação de recursos fornecerão métodos para melhoraria a escalabilidade nestes Data Centers.

Estes profissionais estão começando a considerar a possibilidade de transferir trabalhos que não são essenciais para suas atividades aos provedores de nuvem. Os participantes desta Conferência discutirão também excelência em gestão em São Paulo (SP) no Sheraton WTC Hotel. A programação pode ser conferida neste link.

Serviço: Local: Sheraton WTC Hotel, Avenida das Nações Unidas, nº 12551, São Paulo

Horário: das 9h às 19h      

veja também