MENU

IDC: 3, 6 milhões de computadores foram vendidos no 1° trimestre

IDC: 3, 6 milhões de computadores foram vendidos no 1° trimestre

Atualizado: Quarta-feira, 18 Maio de 2011 as 3:17

Crescimento foi de 22% em relação a 2010.  O estudo Brazil Quarterly PC Tracker, realizado pela IDC Brasil, registrou que foram comercializados 3,6 milhões de máquinas nos primeiros três meses do ano, 22% a mais do que a quantidade verificada no mesmo período de 2010.

“Os primeiros meses do ano costumam contabilizar movimento menor de negociações entre fabricantes e canais, já que o varejo inicia o ano abastecido por conta do Natal e realiza queimas de estoque nos meses seguintes. Mas com a demanda aquecida nos segmentos doméstico e corporativo, a sazonalidade tem diminuído no mercado de PCs desde o 3º trimestre de 2010”, avalia Martim Juacida, analista de mercado da IDC.

Dos computadores vendidos, 49,5% são desktops e 50,5% notebooks. Destas máquinas, 68,6% foram para usuários doméstico, 26,9% ao corporativo e só 4,5% ao governo e educação. “É um sinal de que a indústria está mais madura e os consumidores não esperam apenas datas comemorativas - como Natal - para comprar seu computador. A expectativa é um mercado aquecido e impulsionado pelas máquinas residenciais em 2011”.

  Só no setor doméstico, o aumento foi de 33% em relação ao mesmo período de 2010. Já as mudanças recentes e os cortes nos orçamentos fizeram com que governo e educação diminuíssem 30%, comprometendo os resultados de alguns fabricantes com foco neste setor.

O estudo levantou que nos primeiros três meses de 2010, os notebooks cresceram 58% e os desktops caíram 1,4% em relação ao mesmo período do ano passado. “As multinacionais focam no abastecimento do varejo, o que faz com que os preços se tornem competitivos e convidativos, tornando o notebook a primeira opção de compra”.

A IDC confirma que o Brasil se mantém na quarta posição no ranking mundial dos países que mais vendem computador no mundo, perdendo apenas para Estados Unidos, China e Japão.        

veja também